Você está aqui: Página Inicial > Esporte > 2017 > 11 > Jogos Escolares 2017 serão disputados até 25 de novembro em Brasília

Esporte

Jogos Escolares 2017 serão disputados até 25 de novembro em Brasília

Calendário esportivo

Jovens buscarão medalhas no atletismo, no ciclismo, no judô, na ginástica rítmica, na natação, no tênis de mesa, no vôlei de praia e no xadrez
publicado: 17/11/2017 15h41 última modificação: 17/11/2017 16h18

Os Jogos Escolares da Juventude Brasília 2017 começaram, nessa quinta-feira (16), com abertura no Ginásio Nilson Nelson, e vão até 25 de novembro. Dez modalidades dão início às disputas nesta sexta-feira (17), com a participação de estudantes de 15 a 17 anos.

Os adolescentes buscarão medalhas em atletismo, badminton, ciclismo, judô, ginástica rítmica, luta olímpica, natação, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez. Na próxima terça, terão início os esportes coletivos, como basquete, futsal, handebol e vôlei. 

Campeões olímpicos como Sarah Menezes, do judô, e mundiais, como a também judoca Mayra Aguiar, já passaram pelos Jogos Escolares da Juventude. O público pode entrar gratuitamente em todos os espaços de competição.

Para o diretor geral dos Jogos Escolares e gerente geral de Juventude do Comitê Olímpico Brasileiro, Edgar Hubner, o esporte como ferramenta de transformação social é “o principal pilar dos Jogos Escolares”. “Hoje o evento está consolidado como referência internacional e tem a missão de inserir socialmente os jovens por meio do esporte”, acrescentou.

Os Jogos Escolares da Juventude são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), co-realizados pelo Ministério do Esporte e pelo Grupo Globo, com patrocínio da Coca-Cola e apoio da Estácio e do Governo de Brasília.

Começo

A abertura do maior evento esportivo escolar do Brasil movimentou o ginásio Nilson Nelson nessa quinta-feira (16). Houve duas apresentações de dança. O espetáculo “Stam Show”, com passos de dança de rua, foi apresentado pelo grupo Tribos Urbanas, com mais de 20 membros, entre crianças, adolescentes, adultos e idosos. Já a Academia de Dança Bailacci realizou amostra coreográfica com profissionais de diferentes biotipos, desmistificando a ideia de que há um “corpo ideal para dançar”.

Houve o tradicional desfile das delegações, com as bandeiras dos 27 estados, além da equipe com seis atletas japoneses, do atletismo e da natação. Com sons de latas, tonéis, baldes, panelas e peças de automóveis, o grupo Patubatê entoou o Hino Nacional.

A jovem Ana Luiza Pereira França fez o juramento do atleta. Ela já disputou quatro edições dos Jogos Escolares e conquistou um ouro e duas pratas na luta olímpica.

 Embaixadores

Grandes atletas brasileiros atuarão como embaixadores na competição. Vão interagir com os atletas, entregar medalhas no pódio e ministrar palestras. Saiba quem são.

– Caio Bonfim (Atletismo)

– Vanderlei Cordeiro de Lima (Atletismo)

– Fabiana da Silva (Badminton)

– Kelly Santos (Basquete)

– Henrique Avancini (Ciclismo)

– Lenísio (Futsal)

– Francielly Machado (Ginástica rítmica)

– Silvia Helena Pitombeira (Handebol)

– Érika Miranda (Judô)

– Laís Nunes (Luta olímpica)

– Joanna Maranhão (Natação)

– Hugo Hoyama (Tênis de mesa)

– Helia Pinto/Fofão (Vôlei)

– Emanuel Rego (Vôlei de praia)

Fonte: Governo do Brasil, com informações da Rede Nacional do Esporte

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil