Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2010 > 06 > Sábado é dia de vacinação contra paralisia infantil

Governo

Sábado é dia de vacinação contra paralisia infantil

por Portal Brasil publicado: 10/06/2010 11h06 última modificação: 28/07/2014 12h36

Todas as crianças menores de cinco anos deverão se vacinar contra paralisia infantil (poliomielite) neste sábado (12). Os pais deverão levar seus filhos a um dos 115 mil postos espalhados por todo o País para a primeira dose. A segunda dose será aplicada dia 14 de agosto. A vacina é oral, e mesmo quem já tomou antes deve participar.

 

O Zé Gotinha, personagem da campanha, veste este ano a camisa da seleção brasileira, aproveitando o clima de Copa do Mundo. O slogan é Vacinou, é gol, lembrando a importância do País continuar livre da poliomielite. Desde 1989, o Brasil não registra nenhum caso, mas ainda existe o risco da doença vir de um país estrangeiro.

 

Serão disponibilizadas cerca 24 milhões de doses para esta primeira fase, e mais 24 milhões para a segunda, em agosto. Serão mobilizados 350 mil profissionais e 42 mil veículos terrestres, marítimos e fluviais. A meta é imunizar, na primeira etapa, 95% das crianças menores de cinco anos, ou 14,6 milhões.

 

Gripe H1N1

O Ministério da Saúde recomenda que cada município adote estratégias, de acordo com a realidade local, para vacinar os grupos que ainda estão com baixa cobertura. No caso das crianças de 2 anos a menores de 5 anos, muitos municípios aproveitarão a primeira etapa da campanha nacional contra a paralisia infantil para imunizar as crianças que ainda não se vacinaram contra a gripe H1N1.

 

Nos municípios que irão vacinar as crianças contra a gripe, junto com a imunização contra a pólio, as vacinas contra o vírus H1N1 só estarão disponíveis em postos fixos de vacinação (postos de saúde, por exemplo) e não nas unidades volantes. A orientação para os pais ou responsáveis é que procurem informações junto à Secretaria de Saúde do seu município para saber sobre locais de vacinação, horário de funcionamento e disponibilidade da vacina contra a gripe H1N1 para as crianças.

 

Já é praxe que nos dias de campanha contra a pólio as equipes de saúde aproveitem para atualizar o cartão de vacinas da criança, contra doenças como coqueluche, sarampo, difteria, rubéola, tétano e rotavírus. A atualização de outras vacinas também ocorre apenas em postos fixos. Em geral, tomar duas ou mais vacinas no mesmo dia não oferece risco à saúde das crianças. Na dúvida, pais ou responsáveis devem consultar um médico.

 

É importante lembrar que, após tomar a vacina, o organismo leva até 14 dias para estar totalmente protegido. As pessoas devem procurar a Secretaria de Saúde do seu município para buscar orientações sobre dias e horários de funcionamento dos postos.

 

Outro ponto importante é sobre a vacinação diferenciada das crianças, que precisam tomar duas meias doses da vacina, para garantir uma imunização completa contra o vírus da gripe H1N1. A segunda dose deve ser tomada 21 dias depois da primeira. Neste caso, se a criança tomar a primeira dose no dia da campanha da paralisia infantil, os pais e responsáveis devem ficar atentos para levá-las aos postos novamente, para a segunda dose.

 

Fonte:
Ministério da Saúde

Saiba mais sobre campanhas de vacinação no Portal Brasil.

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo lança plataforma digital de diálogo com a sociedade brasileira
#DialogaBrasil foi criado para melhorar os programas sociais, por meio de propostas enviadas pela população
Governo promove diálogo com sociedade
O ministro-chefe da Secretaria-Geral Miguel Rossetto destaca iniciativas de interação do governo
Samuel Pinheiro comenta importância do petróleo para matriz energética
Embaixador ressaltou importância da exploração do pré-sal
#DialogaBrasil foi criado para melhorar os programas sociais, por meio de propostas enviadas pela população
Governo lança plataforma digital de diálogo com a sociedade brasileira
O ministro-chefe da Secretaria-Geral Miguel Rossetto destaca iniciativas de interação do governo
Governo promove diálogo com sociedade
Embaixador ressaltou importância da exploração do pré-sal
Samuel Pinheiro comenta importância do petróleo para matriz energética

Últimas imagens

Dilma destacou apoio do governo federal na conquista dos pódios em Toronto
Dilma destacou apoio do governo federal na conquista dos pódios em Toronto
Foto: Roberto Stuckert Filho
Governadores e representantes do Governo Federal participam de encontro do Piauí
Governadores e representantes do Governo Federal participam de encontro do Piauí
Divulgação/ Governo do Piauí
O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Miguel Rossetto, discursa na abertura da 18ª Cúpula Social do Mercosul
O ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Miguel Rossetto, discursa na abertura da 18ª Cúpula Social do Mercosul
Foto: Naiara Pontes/SG
O ministro Armando Monteiro, durante o 5º Fórum Empresarial do Mercosul
O ministro Armando Monteiro, durante o 5º Fórum Empresarial do Mercosul
Foto: MDIC
Para a presidenta, Facebook é uma das principais ferramentas da revolução digital
Para a presidenta, Facebook é uma das principais ferramentas da revolução digital
Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

Governo digital