Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2011 > 03 > Produção de mel cresce 30% em 2010

Governo

Produção de mel cresce 30% em 2010

por Portal Brasil publicado: 02/03/2011 15h55 última modificação: 28/07/2014 13h56

A produção brasileira de mel, que saltou de 38 mil toneladas em 2009 para 50 mil toneladas em 2010, colocou o País na 11ª posição no ranking dos produtores mundiais. O Brasil é o quinto maior exportador do produto. De acordo com o Ministério da Agricultura, programas de incentivo à produção apícola e capacitação de agricultores envolvidos com a cadeia produtiva são os responsáveis pelo destaque do setor nos últimos anos.

Segundo o pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e consultor técnico da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Mel e de Produtos Apícolas do Ministério da Agricultura, Ricardo Camargo, uma das principais alternativas para o aumento da produção nacional de mel é a parceria entre a apicultura, a fruticultura e a silvicultura.

Alguns estados brasileiros, como Rio Grande do Sul, Espírito Santo e Minas Gerais, têm projetos em andamento. Em Minas Gerais, uma das boas experiências nessa área é a de uma associação de apicultores que trabalha com silvicultores. Como resultado da parceria, em 2010, houve um aumento no faturamento da associação de produtores e na produção de mel. A produtividade média das colmeias registrada na região foi de 55 a 60kg/colmeias/ano em 2009 e 2010, com valores acima da média nacional, que é de 25Kg/colmeia/ano.

“Graças à união com uma empresa multinacional produtora de celulose, cerca de 46 municípios mineiros estão sendo beneficiados com o sistema de integração apicultura-silvicultura”, explica Ricardo Camargo. Atualmente, 58 produtores de mel utilizam áreas reflorestadas e nativas de floresta. Essa participação corresponde a 100 mil hectares com 14,6 mil colmeias (todas orgânicas) instaladas em apiários georeferenciados, o que permite a identificação do mel produzido nessas áreas.

Como parte do projeto, a empresa multinacional concedeu áreas para o desenvolvimento do sistema e financiou a aquisição de uma série de equipamentos para a montagem dos armazéns de mel. Os apicultores foram capacitados para combater incêndios e atuam de forma preventiva e na identificação de possíveis focos de incêndios.

O pesquisador ressalta que a Confederação Brasileira de Apicultura (CBA) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) pretendem elaborar um plano de parcerias padronizado. O objetivo é expandir a cadeia produtiva de florestas e promover a inclusão social dos apicultores envolvidos. “Com a definição dos requisitos técnicos a serem considerados e os modelos de convênios entre as duas cadeias, imagina-se que as empresas de reflorestamento terão maior interesse em abrir espaço para esse tipo de parceria”, destaca Camargo. Dessa forma, pretende-se aumentar a abertura de negócios para o setor apícola nacional.

A Embrapa contribuirá diretamente na capacitação dos produtores e na pesquisa de novas formas de consórcio entre as espécies madeireiras comumente empregadas e outras espécies vegetais e culturas agrícolas. A iniciativa pretende melhorar a produção e permitir a exploração apícola dessas áreas durante o período de desenvolvimento das espécies madeireiras. “Estudos relacionados à identificação de espécies e de variedades mais produtivas e com maior precocidade e período de floração também podem ser potenciais fontes de pesquisas”, explica Camargo.

Além dos ganhos diretos na exploração dessas áreas para a produção de mel e de outros produtos apícolas, existem ganhos adicionais. Nessa parceria específica, 5% da produção de cada apicultor são repassados à empresa produtora de celulose, que distribui o mel para entidades filantrópicas, hospitais, escolas e para os seus próprios empregados. O pesquisador da Embrapa conta que também existe ativa participação da empresa na doação de materiais de divulgação.


Fonte:
Ministério da Agricultura

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Campanha Brasil nos trilhos. Um ano de coragem, trabalho e avanços
Confira a nova campanha sobre os 12 meses de atuação do governo federal
Temer discute Previdência com ministros e parlamentares
Presidente recebeu neste domingo (16), no Palácio da Alvorada, autoridades para discutir a proposta de reforma da Previdência
Esclareça boatos sobre a Reforma da Previdência
O rombo previdenciário não para de crescer e pode engolir toda a nossa economia. Assista ao vídeo e entenda melhor. Não se deixe enganar
Confira a nova campanha sobre os 12 meses de atuação do governo federal
Campanha Brasil nos trilhos. Um ano de coragem, trabalho e avanços
Presidente recebeu neste domingo (16), no Palácio da Alvorada, autoridades para discutir a proposta de reforma da Previdência
Temer discute Previdência com ministros e parlamentares
O rombo previdenciário não para de crescer e pode engolir toda a nossa economia. Assista ao vídeo e entenda melhor. Não se deixe enganar
Esclareça boatos sobre a Reforma da Previdência

Últimas imagens

InovaGov é formada por 49 órgãos públicos, seis instituições privadas e uma do terceiro setor
InovaGov é formada por 49 órgãos públicos, seis instituições privadas e uma do terceiro setor
Arquivo/EBC
Resgates já beneficiaram mais de 15 milhões de trabalhadores
Resgates já beneficiaram mais de 15 milhões de trabalhadores
Arquivo/Agência Brasil
Schvartsman assume o cargo no lugar de Murilo Ferreira, que esteve na presidência por seis anos
Schvartsman assume o cargo no lugar de Murilo Ferreira, que esteve na presidência por seis anos
Divulgação/Governo do Paraná
Operações investigam corrupção envolvendo servidores e empresas de Tocantins e Santa Catarina
Operações investigam corrupção envolvendo servidores e empresas de Tocantins e Santa Catarina
Divulgação/Polícia Federal
Texto prevê contrapartidas como privatizações e restrições ao aumento de despesas contínuas
Texto prevê contrapartidas como privatizações e restrições ao aumento de despesas contínuas
Foto: Nilson Bastian/Câmara dos Deputados
A nova plataforma será útil no desenvolvimento e monitoramento de políticas públicas
A nova plataforma será útil no desenvolvimento e monitoramento de políticas públicas
Arquivo/Agência Brasil
Parceria entre o ministério e o site existe desde agosto de 2016
Parceria entre o ministério e o site existe desde agosto de 2016
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Levantamento está na edição anual do Índice de Dados Abertos Brasil, lançado na última quinta (27)
Levantamento está na edição anual do Índice de Dados Abertos Brasil, lançado na última quinta (27)
Divulgação/EBC

Governo digital