Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2011 > 04 > Cadastro Único dos programas sociais terá dados transmitidos pela internet

Governo

Cadastro Único dos programas sociais terá dados transmitidos pela internet

por Portal Brasil publicado: 29/04/2011 10h59 última modificação: 28/07/2014 13h45

O sistema que recebe os dados do Cadastro Único para programas sociais do governo federal foi reformulado e será totalmente digital. A partir de agora, os dados serão transmitidos pela internet e armazenados diretamente em um banco de dados eletrônico.

De acordo com a diretora do Departamento de Cadastro Único do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Letícia Bartholo, o cadastro antigo tinha problemas com tecnologia da informação e com o próprio formulário de cadastramento.

Antes, o município coletava os dados e transmitia as informações para a Caixa Econômica Federal, que opera o sistema. A Caixa, por sua vez, enviava mensalmente uma cópia dessa base de dados ao MDS. “Isso significa que esse trabalho de coletar as informações no município e o envio à base de dados do MDS tinha uma defasagem de um a dois meses. Agora, com esse registro online, podemos receber, diariamente, esses cadastros”, disse a diretora.  

Segundo Letícia, o sistema é seguro e está protegido contra invasões. “A Caixa tem regras de privacidade e segurança da informação muito sólidas. Cada operador da informação está registrado e sabemos quando e quem efetuou alguma alteração.”

Ela reconheceu que há algumas fraudes envolvendo o cadastro único, mas garantiu que o ministério consegue identificar e acabar com atos ilícitos. “Há alguns desvios, mas temos procedimentos para identificá-los antes mesmo dos órgãos de fiscalização. Anualmente, fazemos o cruzamento de toda a base com outros registros administrativos operados ou gerenciados pelo governo federal para identificar isso.”

O cadastro único para programas sociais será a principal ferramenta do Plano Nacional de Erradicação da Pobreza Extrema, que será lançado no próximo mês pelo governo federal. De acordo com Letícia, embora a alteração na forma da coleta e processamento dos dados seja um desafio, vai fazer com que o cadastro único se fortaleça. “Queremos fazer uma articulação federativa e que o uso nos estados e municípios também seja ampliado para a população de baixa renda.”

Cerca de 15 mil pessoas foram capacitadas para fazer a aplicação dos questionários. A partir de agora, os entrevistadores emitirão um comprovante de prestação das informações às famílias cadastradas. Segundo Letícia, até o formulário anterior, a família só sabia que estava cadastrada se fosse beneficiária do Bolsa Família.

Atualmente, 20 milhões de famílias estão cadastradas no sistema do governo federal. “O objetivo é ter as informações de todas as famílias com renda mensal de até meio salário mínimo. Isso significa que temos, hoje, um terço da população brasileira, que é a mais pobre e vulnerável”, afirmou a diretora.

 

Fonte:
Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Conheça do GovData
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
Conheça do GovData
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso

Últimas imagens

Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Divulgação/EBC

Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Divulgação/Itamaraty
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Foto: Marcos Corrêa/PR
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Foto: Bernardo Rebello/Caixa
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Foto: Rodrigo de Oliveira/Caixa
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Divulgação/Abin
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Divulgação/Esaf
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Foto: Isa Lima/UnB Agência
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Divulgação/Unacon
Candidatos devem ser brasileiros natos e terem diploma de graduação em instituição brasileira de ensino superior
Candidatos devem ser brasileiros natos e terem diploma de graduação em instituição brasileira de ensino superior
Divulgação/MRE

Governo digital