Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2012 > 05 > Autorizada licitação para adutora que vai levar água para Pernambuco e Paraíba

Governo

Autorizada licitação para adutora que vai levar água para Pernambuco e Paraíba

por Portal Brasil publicado: 25/05/2012 19h12 última modificação: 29/07/2014 08h47
Divulgação/Ministério da Integração Nacional Obras do Adutor de Pajeú vai beneficiar 230 mil pessoas de Pernambuco e Paraíba

Obras do Adutor de Pajeú vai beneficiar 230 mil pessoas de Pernambuco e Paraíba

O Ministério da Integração Nacional autorizou nesta sexta-feira (25) a abertura de licitação para contratação de empresa que ficará responsável pela execução da 2ª etapa do Sistema Adutor do Pajeú. A obra, de 402 km, vai beneficiar 230 mil pessoas de 15 municípios de Pernambuco e oito da Paraíba. A água será captada da 1ª etapa da adutora e do eixo leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco.

Em Pernambuco, serão beneficiadas 169 mil pessoas que vivem nos municípios de Betânia, Brejinho, Carnaubeira da Penha, Iguaraci, Ingazeira, Itapetim, Quixaba, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Teresinha, São José do Egito, Solidão, Tabira, Triunfo e Tuparetama, além dos distritos de Riacho do Meio (em São José do Egito) e Tupanaci (em Mirandiba).

Na Paraíba, a adutora vai abranger os municípios de Princesa Isabel, Imaculada, Desterro, Teixeira, Cacimbas, Livramento, São José dos Cordeiros e Taperoá, beneficiando um total de 61 mil pessoas.

A Adutora do Pajeú vai beneficiar no total, com as duas etapas prontas, 400 mil pessoas. É uma obra do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), coordenada pelo Ministério da Integração Nacional e executada pelo Departamento Nacional de Obras contra as Secas (Dnocs).

O investimento na 2ª etapa do sistema será de R$ 338 milhões, incluindo obras civis, fornecimento de materiais e desapropriações. O sistema é formado por 402 km de adutoras, 11 reservatórios, duas unidades de captação e 12 estações elevatórias. A expectativa é de que a obra, ainda este ano, já reduza os efeitos da estiagem, levando água para a cidade de Serra Talhada e reforçando o sistema da Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento).

“O governo federal trabalha para vencer o desafio da universalização da água. Os prejuízos, inclusive na economia, são grandes. A presidenta Dilma sabe disso e vai transformar a necessidade em oportunidade, transferindo ainda mais recursos e investimentos com rapidez diante do reclame do sertanejo", afirmou o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, em cerimônia na Câmara Municipal de Floresta, na companhia do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, e do presidente do DNOCS, Emerson Fernandes.

A 1ª Etapa do Sistema Adutor do Pajeú está em fase de construção, com cerca de 40% das obras concluídas. O investimento total é de R$ 187 milhões.  A obra é composta por 197 km de tubulações, da captação em Floresta até Afogados da Ingazeira, incluindo o ramal para abastecimento de Serra Talhada. Possui também quatro reservatórios e seis estações elevatórias.

Todo o sistema adutor (1ª e 2ª Etapa) terá cerca de 600 km e beneficiará 32 localidades, sendo 20 municípios de Pernambuco e oito municípios no estado da Paraíba.

 

Fonte:
Ministério da Integração

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Despesas de custeio do governo federal registram maior queda em seis anos
Segundo o Boletim de Custeio Administrativo, houve redução de 20,5% com passagens aéreas e 7,2% com material de escritório
Eliseu Padilha fala sobre prioridades do governo para gerar mais empregos
O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, participou, na terça-feira (31), da abertura da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, em Brasília
Compartilhamento de dados irá evitar fraudes nos programas sociais
O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, em parceria com o Ministério do Trabalho, está compartilhando informações de cadastro dos programas sociais para evitar fraudes
Segundo o Boletim de Custeio Administrativo, houve redução de 20,5% com passagens aéreas e 7,2% com material de escritório
Despesas de custeio do governo federal registram maior queda em seis anos
O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, participou, na terça-feira (31), da abertura da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, em Brasília
Eliseu Padilha fala sobre prioridades do governo para gerar mais empregos
O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, em parceria com o Ministério do Trabalho, está compartilhando informações de cadastro dos programas sociais para evitar fraudes
Compartilhamento de dados irá evitar fraudes nos programas sociais

Últimas imagens

Objetivo é reduzir gastos e aumentar a arrecadação
Objetivo é reduzir gastos e aumentar a arrecadação
Arquivo/Iphan
O ministro-chefe da Casa Civil ocupará a presidência do Brasil Eficiente, que será integrado por demais ministros
O ministro-chefe da Casa Civil ocupará a presidência do Brasil Eficiente, que será integrado por demais ministros
Foto: Ligiani Silveira/Governo do Mato Grosso
Iniciativa partiu da Ouvidoria-Geral da União (OGU) junto à Comissão Gestora do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Iniciativa partiu da Ouvidoria-Geral da União (OGU) junto à Comissão Gestora do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Divulgação/Governo de Minas Gerais
A Controladoria-Geral da União será o primeiro órgão a adotar o TáxiGov fora da fase de testes
A Controladoria-Geral da União será o primeiro órgão a adotar o TáxiGov fora da fase de testes
Divulgação/Ministério do Planejamento
A pasta encaminhou 1.167 Tomadas de Contas Especiais ao TCU para início da cobrança em 2016
A pasta encaminhou 1.167 Tomadas de Contas Especiais ao TCU para início da cobrança em 2016
Marcos Santos/USP Imagens
Com o TáxiGov, o governo deixará de usar frota própria gradualmente
Com o TáxiGov, o governo deixará de usar frota própria gradualmente
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
Valor foi depositado nas contas do Fundo de Participação dos Municípios e pode ser utilizado livremente
Valor foi depositado nas contas do Fundo de Participação dos Municípios e pode ser utilizado livremente
Foto: Gleice Mere/Ministério do Planejamento
A depender da avaliação bimestral de receitas e despesas, serão adotadas medidas de limitação orçamentária
A depender da avaliação bimestral de receitas e despesas, serão adotadas medidas de limitação orçamentária
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Presidente em exercício, Rodrigo Maia, sancionou a lei na terça-feira durante viagem de Michel Temer a Portugal
Presidente em exercício, Rodrigo Maia, sancionou a lei na terça-feira durante viagem de Michel Temer a Portugal
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Município de onde os cidadãos mais acessaram foi São Paulo (SP), com mais de 2,1 milhões de visitas
Município de onde os cidadãos mais acessaram foi São Paulo (SP), com mais de 2,1 milhões de visitas
Waldemir Barreto/Agência Senado

Governo digital