Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2013 > 02 > Campanha de prevenção de acidentes nas estradas começa a ser veiculada

Governo

Campanha de prevenção de acidentes nas estradas começa a ser veiculada

por Portal Brasil publicado: 04/02/2013 11h34 última modificação: 29/07/2014 23h58
Divulgação / Ministério dos Transportes A campanha tem o objetivo de mobilizar a sociedade sobre a importância da educação no trânsito nas rodovias federais

A campanha tem o objetivo de mobilizar a sociedade sobre a importância da educação no trânsito nas rodovias federais

Com o slogan “A culpa não morre nunca”, a campanha será divulgada em emissoras de televisão e em portais de internet

 

A campanha para prevenção de acidentes nas rodovias federais no período de Carnaval começou nesse domingo (3). Com o slogan “A culpa não morre nunca”, a campanha será divulgada em emissoras de televisão e em portais de internet. O objetivo é conscientizar todos os segmentos da sociedade sobre a urgente necessidade de uma mudança de comportamento nas estradas.

A veiculação vai se concentrar em oito capitais onde há o maior índice de acidentes nas estradas. Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF), são elas: Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Goiânia (GO), Porto Alegre (RS), Recife (PE) e Salvador (BA).

As peças publicitárias referentes à campanha consistem em um vídeo de 30 segundos, disponível no site do Ministério dos Transportes, e banners em  portais de internet que tem o objetivo de alertar os motoristas para o risco de acidentes nas viagens para o carnaval. As peças foram elaboradas com base em uma pesquisa qualitativa encomendada pelo Ministério em setembro do ano passado. Segundo os dados levantados, os vídeos deveriam ter forte apelo emocional e chamar a atenção para os perigos de ultrapassagem em locais proibidos e o excesso de velocidade.

O vídeo já foi divulgado no fim do ano e contribuiu para a redução de 24% dos índices de acidentes de trânsito quando comparados ao mesmo período de 2011. Segundo dados da Polícia Rodoviária Federal, houve ainda uma diminuição de 28% do número de feridos e de 12% do total de vítimas fatais.

 

 

Parada -Rodovia

Em dezembro do ano passado, foi lançada a Operação Integrada Parada-Rodovia 2012/2013 com foco na redução do número de acidentes no trânsito no período de 15 de dezembro a 13 de fevereiro de 2013.

Desenvolvida pelos ministérios das Cidades, Saúde, Transportes e Justiça, a operação faz parte do Parada – Um Pacto pela Vida, lançado pelo governo brasileiro em resposta a deliberação da ONU de reduzir em 50% o número de mortes no trânsito no mundo, durante o período de 2011 a 2020.

Entre as ações da Operação estarão a instalação de equipamentos eletrônicos controladores de velocidade como barreiras eletrônicas, pardais, controle de avanço de sinais e parada sobre faixas. A previsão é fechar o ano de 2012 com 1.650 equipamentos em operação. Até 2013, serão 2.696 equipamentos, que vão monitorar 5.392 faixas pelo prazo de cinco anos. Neste período, o governo federal investirá R$ 773,3 milhões no programa, com recursos previstos no Programa de Aceleração do Crescimento

 

Fonte:
Ministério dos Transportes
Portal Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Governo defende a realização de uma ampla reforma política
Ministros José Eduardo Cardozo e Miguel Rossetto falaram sobre a legitimidade das manifestações, ocorridas no domingo (15)
"Não tem reforma ministerial", garante Dilma Rousseff
Presidenta Dilma garantiu, em entrevista coletiva, que a saída de Cid Gomes do ministério da Educação foi uma alteração pontual
Governo defende fim do financiamento empresarial em campanhas
Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, afirmou que atual conjuntura aponta para uma necessária mudança no sistema político-eleitoral
Ministros José Eduardo Cardozo e Miguel Rossetto falaram  sobre a legitimidade das manifestações, ocorridas no domingo (15)
Governo defende a realização de uma ampla reforma política
Presidenta Dilma garantiu, em entrevista coletiva, que a saída de Cid Gomes do ministério da Educação foi uma alteração pontual
"Não tem reforma ministerial", garante Dilma Rousseff
Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, afirmou que atual conjuntura aponta para uma necessária mudança no sistema político-eleitoral
Governo defende fim do financiamento empresarial em campanhas

Últimas imagens

Iniciativa extingue embargos retidos e infringentes, e também busca incentivar conciliação entre as partes
Iniciativa extingue embargos retidos e infringentes, e também busca incentivar conciliação entre as partes
Presidenta Dilma sanciona lei que altera a regra para a união de dois ou mais partidos políticos
Presidenta Dilma sanciona lei que altera a regra para a união de dois ou mais partidos políticos
Presidenta Dilma Rousseff lamentou a queda de avião de companhia alemã na França
Presidenta Dilma Rousseff lamentou a queda de avião de companhia alemã na França
Pacote é composto de três projetos de lei, uma proposta de Emenda à Constituição (PEC) e dois pedidos de tramitação em regime de urgência
Pacote é composto de três projetos de lei, uma proposta de Emenda à Constituição (PEC) e dois pedidos de tramitação em regime de urgência

Governo digital