Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2013 > 07 > Lançado nesta quarta-feira (17) o Observatório Participativo da Juventude

Governo

Lançado nesta quarta-feira (17) o Observatório Participativo da Juventude

Funcionando ainda na versão beta, a página eletrônica permitirá que os usuários participem de debates e discutam políticas e programas voltados ao público jovem
por Portal Brasil publicado: 17/07/2013 12h46 última modificação: 29/07/2014 23h58
Divulgação Participatório O Observatório Participativo da Juventude, também chamado de Participatório, é um novo canal de diálogo direto com a juventude

O Observatório Participativo da Juventude, também chamado de Participatório, é um novo canal de diálogo direto com a juventude

O governo federal  lançou nesta quarta-feira (17), em Brasília, o Participatório - Observatório Participativo da Juventude.Trata-se de um ambiente virtual e interativo, que se propõe estimular a participação, por meio de debates e mobilizações, além de produzir conhecimentos e divulgar conteúdos relacionados às políticas juvenis.

O espaço virtual está em fase de testes, no ar em sua versão beta,  mas os usuários podem acessar o conteúdo do site, criar um cadastro ou usar seus perfis em outras redes sociais para se conectar. O objetivo é promover e ampliar a capacidade de articular o conjunto de ferramentas que viabilizam e potencializam o diálogo com a sociedade civil, em especial, com a juventude brasileira. 

O Participatório pretende também se destacar como um ambiente de comunicação e interação entre jovens, gestores, pesquisadores e demais formadores de opinião e articulares das políticas públicas de juventude.

“A política de juventude já nasceu com a premissa da participação social, da participação da juventude. E é um momento em que a participação precisa ser ampliada. E já que a juventude brasileira usa muito a internet como um dos instrumentos tanto de informação quanto de opinião, a gente achou importante apostar nesses viés da participação social. Isso é estar antenado com a realidade da juventude”, explicou  a secretária nacional de Juventude da Secretaria Geral da Presidência da República, Severine Macedo.

Estrutura

O Participatório foi elaborado pela Secretaria Nacional de Juventude desde 2012, como resposta às demandas da 2ª Conferência Nacional de Juventude por mais e melhores informações. Os primeiros debates serão sobre: reforma política, enfrentamento da violência contra a juventude negra e direito à cidade e ao território.

A plataforma do Participatório foi estruturada em três grandes eixos: o Núcleo de Estudos e Pesquisas, que vai reunir as publicações, acervo e articulação do conhecimento sobre a temática juvenil; o Núcleo de Comunicação e Mobilização, responsável pela divulgação de conteúdos nas redes sociais e pelas ações de mobilização presencial; e o Núcleo de Desenvolvimento Digital, responsável pelo desenvolvimento da plataforma virtual. O projeto contou com a parceria das Universidades Federais do Paraná (UFPR) e do Rio de Janeiro (UFRJ).

 

Fontes:

Secretaria Nacional de Juventude

Com informações do Blog do Planalto  

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Conheça do GovData
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
Conheça do GovData
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso

Últimas imagens

Aulas irão abordar a importância de se adaptar portais para pessoas com deficiência
Aulas irão abordar a importância de se adaptar portais para pessoas com deficiência
Marcos Santos/USP Imagens
Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Divulgação/EBC

Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Divulgação/Itamaraty
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Foto: Marcos Corrêa/PR
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Foto: Bernardo Rebello/Caixa
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Foto: Rodrigo de Oliveira/Caixa
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Divulgação/Abin
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Divulgação/Esaf
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Foto: Isa Lima/UnB Agência
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Divulgação/Unacon

Governo digital