Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2013 > 10 > Internet tem sido aberta para tudo, menos na forma como é governada, critica Bernardo

Governo

Internet tem sido aberta para tudo, menos na forma como é governada, critica Bernardo

Bali

Brasil já tem mais de 100 milhões de usuários e o desafio de levar a rede a muitos outros milhões. “Mas não queremos qualquer internet”, diz ministro das Comunicações
por Portal Brasil publicado: 22/10/2013 20h03 última modificação: 30/07/2014 00h28

O Brasil já tem mais de 100 milhões de usuários conectados à internet e o desafio de levar a rede a muitos outros milhões de cidadãos. “Mas não queremos qualquer internet”, disse nesta terça-feira (22) o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, na abertura do Fórum de Governança da Internet (IGF), realizado em Bali, na Indonésia.

Ele reiterou as críticas que o governo brasileiro vem apresentando à maneira como é feita a governança da rede mundial de computadores. "A rede tem sido aberta para tudo, menos no modo de ser governada", afirmou. Paulo Bernardo ressaltou a preocupação com a quebra de confiança em relação ao uso da internet em todo o mundo, diante das denúncias de espionagem.

E lembrou que, em 24 de setembro, a presidenta Dilma discursou na abertura da Assembleia Geral da ONU, quando criticou as atividades de espionagem eletrônica, que geraram fortes questionamentos sobre a forma como funciona a Internet atualmente. “Venho hoje, diante de todos aqui presentes, reverberar as preocupações de nossa presidenta – que, obviamente, refletiu na ONU o sentimento de cada brasileiro e brasileira”.

Na avaliação do ministro, "a forma como se dá a governança da rede, hoje, agrava este cenário". Bernardo fez críticas ao modelo atual de gestão da rede, que "há décadas é predominantemente unilateral e com centralização excessiva, tanto no que fiz respeito à conectividade quanto à localização de dados e informações".

O ministro brasileiro ressaltou o crescimento do acesso à internet no Brasil, com destaque para as regiões historicamente menos atendidas pelo serviço. No entanto, o ministro ponderou: "Não queremos qualquer internet", fazendo referência ao uso da ferramenta para obtenção não autorizada de informações ou a violação das liberdades e direitos fundamentais.

Democracia

Bernardo defendeu a internet como espaço de manifestação de opiniões e divulgação de ideias, nos moldes do que é apregoado nas sociedades democráticas. Contudo, ressaltou que é preciso democratizar também a maneira como a rede é gerenciada.

"Se a internet é reconhecida como o lugar onde novas formas de participação democrática são colocadas em prática, acredito ter chegado a hora de darmos mais democracia a ela".

Reuniões

Durante o Fórum de Governança da Internet, o ministro das Comunicações se reuniu com representantes da sociedade civil brasileira para esclarecer temas relacionais ao projeto do Marco Civil da Internet, em análise no Congresso Nacional.

Bernardo também se reuniu com conselheiros do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), presentes no fórum, para falar sobre o evento sobre governança da internet que será realizado no Brasil em 2014 e sobre a importância da colaboração da entidade para o encontro.

 

Fonte:

Portal Brasil, com informações do Ministério das Comunicações

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Conheça do GovData
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
Conheça do GovData
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso

Últimas imagens

Aulas irão abordar a importância de se adaptar portais para pessoas com deficiência
Aulas irão abordar a importância de se adaptar portais para pessoas com deficiência
Marcos Santos/USP Imagens
Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Divulgação/EBC

Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Divulgação/Itamaraty
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Foto: Marcos Corrêa/PR
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Foto: Bernardo Rebello/Caixa
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Foto: Rodrigo de Oliveira/Caixa
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Divulgação/Abin
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Divulgação/Esaf
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Foto: Isa Lima/UnB Agência
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Divulgação/Unacon

Governo digital