Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2013 > 11 > Conferência irá debater em janeiro a crise na Síria

Governo

Conferência irá debater em janeiro a crise na Síria

Conflitos

Objetivo do encontro é viabilizar a transição do poder no país e dar fim ao conflito que já vitimou mais de 100 mil pessoas
por Portal Brasil publicado: 26/11/2013 14h54 última modificação: 30/07/2014 00h17
Divulgação/EBC Conferência é o veículo para a transição pacífica que cumpre a aspiração legítima do povo sírio

Conferência é o veículo para a transição pacífica que cumpre a aspiração legítima do povo sírio

A Conferência Genebra 2, que vai tratar da crise na Síria, está confirmada para acontecer  no dia 22 de janeiro de 2014. A data foi marcada pelo secretário-geral das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon. De acordo com o comunicado divulgado pela organização, o encontro promovido pela ONU, Liga Árabe, pelos Estados Unidos e pela Rússia vai reunir pela primeira vez, desde a intensificação dos conflitos no início de 2011, o governo sírio e a oposição.

Ban Ki-moon expressou gratidão aos países envolvidos na promoção da conferência e ao enviado da ONU e da Liga Árabe para a Síria, Lakhdar Brahimi.

 "Nós iremos a Genebra em uma missão de paz. A conferência é o veículo para a transição pacífica que cumpre a aspiração legítima do povo sírio por paz e dignidade, que garante segurança e proteção a todas as comunidades da Síria.

O objetivo é a total implementação do Comunicado de Genebra, de 30 de junho de 2012, que inclui o estabelecimento, baseado em consentimento mútuo, de um órgão de transição de governo com plenos poderes executivos, inclusive sobre entidades militares e de segurança", informou o comunicado da ONU.

Segundo o documento, o secretário-geral pediu que os representantes sírios – tanto governo quanto oposição – compareçam à conferência com o entendimento de que o objetivo do encontro é viabilizar a transição do poder no país e dar fim ao conflito que já vitimou mais de 100 mil pessoas.

A ONU também citou o endosso do Conselho de Segurança ao Comunicado de Genebra de 2012, base da conferência, ao pedir o apoio da comunidade internacional à reunião. A organização e o conselho foram alvos de críticas sobre como lidaram com a questão síria. O papel do Conselho de Segurança, órgão máximo internacional sobre temas de paz e segurança, foi questionado por não ter sido a instância em que as soluções sobre a crise foram aventadas.

Fonte:
Agência Brasileira de Inteligência

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Despesas de custeio do governo federal registram maior queda em seis anos
Segundo o Boletim de Custeio Administrativo, houve redução de 20,5% com passagens aéreas e 7,2% com material de escritório
Eliseu Padilha fala sobre prioridades do governo para gerar mais empregos
O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, participou, na terça-feira (31), da abertura da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, em Brasília
Compartilhamento de dados irá evitar fraudes nos programas sociais
O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, em parceria com o Ministério do Trabalho, está compartilhando informações de cadastro dos programas sociais para evitar fraudes
Segundo o Boletim de Custeio Administrativo, houve redução de 20,5% com passagens aéreas e 7,2% com material de escritório
Despesas de custeio do governo federal registram maior queda em seis anos
O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, participou, na terça-feira (31), da abertura da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, em Brasília
Eliseu Padilha fala sobre prioridades do governo para gerar mais empregos
O Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, em parceria com o Ministério do Trabalho, está compartilhando informações de cadastro dos programas sociais para evitar fraudes
Compartilhamento de dados irá evitar fraudes nos programas sociais

Últimas imagens

Objetivo é reduzir gastos e aumentar a arrecadação
Objetivo é reduzir gastos e aumentar a arrecadação
Arquivo/Iphan
O ministro-chefe da Casa Civil ocupará a presidência do Brasil Eficiente, que será integrado por demais ministros
O ministro-chefe da Casa Civil ocupará a presidência do Brasil Eficiente, que será integrado por demais ministros
Foto: Ligiani Silveira/Governo do Mato Grosso
Iniciativa partiu da Ouvidoria-Geral da União (OGU) junto à Comissão Gestora do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Iniciativa partiu da Ouvidoria-Geral da União (OGU) junto à Comissão Gestora do Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Divulgação/Governo de Minas Gerais
A Controladoria-Geral da União será o primeiro órgão a adotar o TáxiGov fora da fase de testes
A Controladoria-Geral da União será o primeiro órgão a adotar o TáxiGov fora da fase de testes
Divulgação/Ministério do Planejamento
A pasta encaminhou 1.167 Tomadas de Contas Especiais ao TCU para início da cobrança em 2016
A pasta encaminhou 1.167 Tomadas de Contas Especiais ao TCU para início da cobrança em 2016
Marcos Santos/USP Imagens
Com o TáxiGov, o governo deixará de usar frota própria gradualmente
Com o TáxiGov, o governo deixará de usar frota própria gradualmente
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
Valor foi depositado nas contas do Fundo de Participação dos Municípios e pode ser utilizado livremente
Valor foi depositado nas contas do Fundo de Participação dos Municípios e pode ser utilizado livremente
Foto: Gleice Mere/Ministério do Planejamento
A depender da avaliação bimestral de receitas e despesas, serão adotadas medidas de limitação orçamentária
A depender da avaliação bimestral de receitas e despesas, serão adotadas medidas de limitação orçamentária
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Presidente em exercício, Rodrigo Maia, sancionou a lei na terça-feira durante viagem de Michel Temer a Portugal
Presidente em exercício, Rodrigo Maia, sancionou a lei na terça-feira durante viagem de Michel Temer a Portugal
Foto: José Cruz/Agência Brasil
Município de onde os cidadãos mais acessaram foi São Paulo (SP), com mais de 2,1 milhões de visitas
Município de onde os cidadãos mais acessaram foi São Paulo (SP), com mais de 2,1 milhões de visitas
Waldemir Barreto/Agência Senado

Governo digital