Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2016 > 02 > Governo realiza mobilização nacional para reduzir presença do Aedes aegypti

Governo

Governo realiza mobilização nacional para reduzir presença do Aedes aegypti

Zika Zero

O Dia Nacional de Mobilização Zika Zero para combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor dos vírus da dengue, chikungunya e zika, será realizado neste sábado
publicado: 12/02/2016 17h16 última modificação: 17/02/2016 11h41
Blog do Planalto O secretário nacional de Proteção e Defesa Civil afirmou que o combate ao mosquito é o único meio disponível no momento para combater zika, dengue e chikungunya

O secretário nacional de Proteção e Defesa Civil afirmou que o combate ao mosquito é o único meio disponível no momento para combater zika, dengue e chikungunya

O governo federal promove, neste sábado (13), o Dia Nacional de Mobilização Zika Zero para combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor dos vírus da dengue, chikungunya e zika. 

Com a participação da presidenta Dilma Rousseff, que vai acompanhar toda a ação do Rio de Janeiro (RJ), e de ministros em outros Estados, a mobilização será realizada simultaneamente em 353 municípios, com apoio de secretários executivos, presidentes de estatais e 220 mil militares. Participarão ainda governadores, prefeitos e aproximadamente 46 mil agentes de combate às endemias e 266 mil agentes comunitários de saúde. Cerca de 3 milhões de residências serão visitadas somente nessa ação.

O secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, general Adriano Pereira Júnior, afirmou que se trata de um esforço para chamar mais atenção ainda da população sobre a necessidade de combater o mosquito, eliminando criadouros. “O nosso foco é reduzir a presença de focos do Aedes aegypti em todo o território para um nível aceitável”, declarou.

“O combate a esse mosquito é o único meio de nós combatermos esses três vírus agora”, afirmou o secretário. “Pode-se pensar em vacina para daqui a três, quatro anos. Todos os outros meios que nós teremos um dia, eles não são para agora, então, só tem uma maneira.”

A mobilização faz parte da estratégia do governo federal de combate aos casos de microcefalia, dengue e chikungunya. Ainda em dezembro de 2015 foi decretada situação de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional para controlar a proliferação do mosquito e para enfrentar as três doenças.

Desde dezembro, mais de 300 mil agentes de combate às endemias, agentes comunitários de saúde e militares reforçam o combate ao Aedes aegypti nas residências. Segundo o último balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, mais de 30% dos imóveis brasileiros já foram visitados. Ao todo, 20,7 milhões, dos 67 milhões de imóveis estimados, receberam equipes para identificação de focos e orientação aos moradores sobre medidas de prevenção ao vetor.

Para acompanhar a situação, o governo federal instalou a Sala Nacional de Coordenação e Controle do Aedes Aegypti e para o Enfrentamento à Microcefalia. O objetivo é gerenciar e monitorar a intensificação das ações de mobilização e combate ao mosquito. A Sala é composta pelos ministérios da Integração, da Saúde, da Defesa, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, da Educação e da Secretaria de Governo da Presidência da República, além de outros órgãos convidados. Todos os Estados e o Distrito Federal instalaram suas salas de situação e estão desenvolvendo ações de mobilização e combate ao mosquito.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Blog do Planalto

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Temer empossa novo defensor público-geral da União
Em discurso, o presidente em exercício destacou a importância a Defensoria Pública da União para o povo brasileiro
Padilha: reforma administrativa é prioridade do governo
Eliseu Padilha, ministro-chefe da Casa Civil, explica quais serão as prioridades do governo com relação às reformas dos serviços públicos
Reajuste do Bolsa Família começa a ser pago nesta semana
O benefício do Bolsa Família, com reajuste de 12,5%, começou a ser pago nesta semana
Em discurso, o presidente em exercício destacou a importância a Defensoria Pública da União para o povo brasileiro
Temer empossa novo defensor público-geral da União
Eliseu Padilha, ministro-chefe da Casa Civil, explica quais serão as prioridades do governo com relação às reformas dos serviços públicos
Padilha: reforma administrativa é prioridade do governo
O benefício do Bolsa Família, com reajuste de 12,5%, começou a ser pago nesta semana
Reajuste do Bolsa Família começa a ser pago nesta semana

Últimas imagens

Presidente Michel Temer durante apresentação do novo regime fiscal aos líderes da base aliada da Câmara e do Senado
Presidente Michel Temer durante apresentação do novo regime fiscal aos líderes da base aliada da Câmara e do Senado
Foto: Beto Barata/PR
Michel Temer durante visita à Arena Carioca 1 nesta terça-feira (14)
Michel Temer durante visita à Arena Carioca 1 nesta terça-feira (14)
Foto: Beto Barata/PR
O ministro interino do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, ressaltou em entrevista coletiva que medida propiciará economia de cerca de 230 milhões
O ministro interino do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, ressaltou em entrevista coletiva que medida propiciará economia de cerca de 230 milhões
Foto: Portal Brasil
Guilherme Campos afirmou comprometimento para que os Correios possam ser sempre uma empresa de confiabilidade.
Guilherme Campos afirmou comprometimento para que os Correios possam ser sempre uma empresa de confiabilidade.
Foto: Correios
Ministro Eliseu Padilha durante coletiva de imprensa para falar sobre a preparação para os Jogos Olímpicos Rio 2016
Ministro Eliseu Padilha durante coletiva de imprensa para falar sobre a preparação para os Jogos Olímpicos Rio 2016
Foto: Carolina Antunes/PR
O ataque ocorreu no centro histórico da cidade, bairro  frequentado por turistas e estudantes.
O ataque ocorreu no centro histórico da cidade, bairro frequentado por turistas e estudantes.
Vladimir Platonow/ Agência Brasil
O esforço, afirma Temer, é para, no final do seu governo, entregar um País equilibrado na política e na economia
O esforço, afirma Temer, é para, no final do seu governo, entregar um País equilibrado na política e na economia
Foto: Beto Barata/PR
Somente em Salvador serão entregues 2.800 unidades
Somente em Salvador serão entregues 2.800 unidades
Foto: Isac Nóbrega/PR

Governo digital