Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2016 > 05 > Serra assume Itamaraty e apresenta a nova política externa do Brasil

Governo

Serra assume Itamaraty e apresenta a nova política externa do Brasil

Novo Governo

Entre as prioridades estão a ampliação de mercados, o protagonismo em questões ambientais e o fortalecimento do Mercosul
publicado: 18/05/2016 17h23 última modificação: 18/05/2016 19h48
Foto: Ascom/Itamaraty Ministro José Serra apresentou as dez diretrizes que irão guiar a nova política externa brasileira

Ministro José Serra apresentou as dez diretrizes que irão guiar a nova política externa brasileira

O ex-senador José Serra tomou posse nesta quarta-feira (18) como ministro das Relações Exteriores. Em seu discurso durante a cerimônia de posse, o novo titular do Itamaraty apresentou as diretrizes que vão nortear a nova política externa do País. 

Serra destacou que, a partir de agora, a diplomacia brasileira voltará a refletir os legítimos valores da sociedade brasileira e os interesses da economia, a serviço de todos. 

"A nossa política externa será regida pelos valores do Estado e da Nação, não do governo e jamais de um partido", assegurou. 

O novo ministro garantiu ainda que o Brasil estará atento à defesa da democracia e dos direitos humanos em qualquer país ou regime político, e defenderá soluções pacíficas e negociadas para os conflitos internacionais. 

Novos mercados 

José Serra destacou que os esforços serão concentrados em novas negociações para garantir o fortalecimento do País nos cenários interno e externo. 

"Precisamos e vamos vencer esse atraso e recuperar as oportunidades perdidas. Por isso mesmo, daremos início a um acelerado processo de negociações comercias para abrir mercado para as nossas exportações e criar emprego para nossos trabalhadores", afirmou.

O ministério buscará ampliar o intercâmbio com parceiros tradicionais, como Europa, Estados Unidos e Japão, além de fortalecer e intensificar os acordos com os países da África. 

 Defesa do meio ambiente

O protagonismo em relação à proteção do meio ambiente está entre as prioridades da nova política externa do Brasil. De acordo com Serra, o País assumirá a responsabilidade que lhe cabe em matéria ambiental e terá papel proativo e pioneiro nas negociações de clima e desenvolvimento sustentável.

"Lembro que se fizermos bem a lição de casa poderemos receber recursos caudalosos de organismos internacionais".

Fortalecimento do Mercosul

O ministro vai buscar ainda estreitar as relações do País com a Argentina para fortalecer o Mercosul, além de reforçar as negociações com os países da  Aliança do Pacífico.

"Junto com os demais parceiros, precisamos renovar o Mercosul para corrigir o que precisa ser corrigido com o objetivo de fortalecê-lo, antes de mais nada como zona de livre-comércio", afirmou. 

Otimismo

Antes de deixar o cargo, o ex-ministro e diplomata de carreira Mauro Vieira destacou o trabalho que foi realizado desde o início da sua gestão à frente do Ministério, em janeiro de 2015. Ele reconheceu o cenário difícil pelo qual o País passa, mas demonstrou ter segurança de que o novo chefe da pasta conseguirá lidar com a situação. 

"O momento requer ações prontas e eficazes. Tenho certeza que vossa excelência é sensível e tenho plena confiança em sua capacidade em fazer frente à essa escassez de recursos. Estou também convencido de que esse ministério seguirá adiante e fortalecido", afirmou.

Perfil

José Serra, 74, é natural de São Paulo (SP), onde cursou Engenharia Civil na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). Fez mestrado na Escola de Pós-Graduação em Economia da Universidade do Chile (Escolatina) e tem mestrado e doutorado em Ciências Econômicas na Universidade de Cornell (Estados Unidos).

Já foi deputado federal (1987-1991/1991-1995), senador (1995-2003), secretário de Planejamento de São Paulo (1983-1986), ministro do Planejamento (1995-1996), ministro da Saúde (1998-2002), prefeito de São Paulo (2005-2006) e governador de São Paulo (2007-2010).

Acompanhe a íntegra do discurso do novo ministro das Relações Exteriores

Fonte: Portal Brasil 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Campanha Brasil nos trilhos. Um ano de coragem, trabalho e avanços
Confira a nova campanha sobre os 12 meses de atuação do governo federal
Temer discute Previdência com ministros e parlamentares
Presidente recebeu neste domingo (16), no Palácio da Alvorada, autoridades para discutir a proposta de reforma da Previdência
Esclareça boatos sobre a Reforma da Previdência
O rombo previdenciário não para de crescer e pode engolir toda a nossa economia. Assista ao vídeo e entenda melhor. Não se deixe enganar
Confira a nova campanha sobre os 12 meses de atuação do governo federal
Campanha Brasil nos trilhos. Um ano de coragem, trabalho e avanços
Presidente recebeu neste domingo (16), no Palácio da Alvorada, autoridades para discutir a proposta de reforma da Previdência
Temer discute Previdência com ministros e parlamentares
O rombo previdenciário não para de crescer e pode engolir toda a nossa economia. Assista ao vídeo e entenda melhor. Não se deixe enganar
Esclareça boatos sobre a Reforma da Previdência

Últimas imagens

Schvartsman assume o cargo no lugar de Murilo Ferreira, que esteve na presidência por seis anos
Schvartsman assume o cargo no lugar de Murilo Ferreira, que esteve na presidência por seis anos
Divulgação/Governo do Paraná
Operações investigam corrupção envolvendo servidores e empresas de Tocantins e Santa Catarina
Operações investigam corrupção envolvendo servidores e empresas de Tocantins e Santa Catarina
Divulgação/Polícia Federal
Texto prevê contrapartidas como privatizações e restrições ao aumento de despesas contínuas
Texto prevê contrapartidas como privatizações e restrições ao aumento de despesas contínuas
Foto: Nilson Bastian/Câmara dos Deputados
A nova plataforma será útil no desenvolvimento e monitoramento de políticas públicas
A nova plataforma será útil no desenvolvimento e monitoramento de políticas públicas
Arquivo/Agência Brasil
Parceria entre o ministério e o site existe desde agosto de 2016
Parceria entre o ministério e o site existe desde agosto de 2016
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Levantamento está na edição anual do Índice de Dados Abertos Brasil, lançado na última quinta (27)
Levantamento está na edição anual do Índice de Dados Abertos Brasil, lançado na última quinta (27)
Divulgação/EBC
Existem no Brasil cerca de 9,5 milhões de pessoas com algum nível de deficiência auditiva
Existem no Brasil cerca de 9,5 milhões de pessoas com algum nível de deficiência auditiva
Divulgação/UFPB
Principais medidas do texto foram mantidas, como regulamentação do trabalho intermitente
Principais medidas do texto foram mantidas, como regulamentação do trabalho intermitente
Alex Ferreira/Câmara dos Deputados

Governo digital