Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2016 > 05 > Serra assume Itamaraty e apresenta a nova política externa do Brasil

Governo

Serra assume Itamaraty e apresenta a nova política externa do Brasil

Novo Governo

Entre as prioridades estão a ampliação de mercados, o protagonismo em questões ambientais e o fortalecimento do Mercosul
publicado: 18/05/2016 17h23 última modificação: 18/05/2016 19h48
Foto: Ascom/Itamaraty Ministro José Serra apresentou as dez diretrizes que irão guiar a nova política externa brasileira

Ministro José Serra apresentou as dez diretrizes que irão guiar a nova política externa brasileira

O ex-senador José Serra tomou posse nesta quarta-feira (18) como ministro das Relações Exteriores. Em seu discurso durante a cerimônia de posse, o novo titular do Itamaraty apresentou as diretrizes que vão nortear a nova política externa do País. 

Serra destacou que, a partir de agora, a diplomacia brasileira voltará a refletir os legítimos valores da sociedade brasileira e os interesses da economia, a serviço de todos. 

"A nossa política externa será regida pelos valores do Estado e da Nação, não do governo e jamais de um partido", assegurou. 

O novo ministro garantiu ainda que o Brasil estará atento à defesa da democracia e dos direitos humanos em qualquer país ou regime político, e defenderá soluções pacíficas e negociadas para os conflitos internacionais. 

Novos mercados 

José Serra destacou que os esforços serão concentrados em novas negociações para garantir o fortalecimento do País nos cenários interno e externo. 

"Precisamos e vamos vencer esse atraso e recuperar as oportunidades perdidas. Por isso mesmo, daremos início a um acelerado processo de negociações comercias para abrir mercado para as nossas exportações e criar emprego para nossos trabalhadores", afirmou.

O ministério buscará ampliar o intercâmbio com parceiros tradicionais, como Europa, Estados Unidos e Japão, além de fortalecer e intensificar os acordos com os países da África. 

 Defesa do meio ambiente

O protagonismo em relação à proteção do meio ambiente está entre as prioridades da nova política externa do Brasil. De acordo com Serra, o País assumirá a responsabilidade que lhe cabe em matéria ambiental e terá papel proativo e pioneiro nas negociações de clima e desenvolvimento sustentável.

"Lembro que se fizermos bem a lição de casa poderemos receber recursos caudalosos de organismos internacionais".

Fortalecimento do Mercosul

O ministro vai buscar ainda estreitar as relações do País com a Argentina para fortalecer o Mercosul, além de reforçar as negociações com os países da  Aliança do Pacífico.

"Junto com os demais parceiros, precisamos renovar o Mercosul para corrigir o que precisa ser corrigido com o objetivo de fortalecê-lo, antes de mais nada como zona de livre-comércio", afirmou. 

Otimismo

Antes de deixar o cargo, o ex-ministro e diplomata de carreira Mauro Vieira destacou o trabalho que foi realizado desde o início da sua gestão à frente do Ministério, em janeiro de 2015. Ele reconheceu o cenário difícil pelo qual o País passa, mas demonstrou ter segurança de que o novo chefe da pasta conseguirá lidar com a situação. 

"O momento requer ações prontas e eficazes. Tenho certeza que vossa excelência é sensível e tenho plena confiança em sua capacidade em fazer frente à essa escassez de recursos. Estou também convencido de que esse ministério seguirá adiante e fortalecido", afirmou.

Perfil

José Serra, 74, é natural de São Paulo (SP), onde cursou Engenharia Civil na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP). Fez mestrado na Escola de Pós-Graduação em Economia da Universidade do Chile (Escolatina) e tem mestrado e doutorado em Ciências Econômicas na Universidade de Cornell (Estados Unidos).

Já foi deputado federal (1987-1991/1991-1995), senador (1995-2003), secretário de Planejamento de São Paulo (1983-1986), ministro do Planejamento (1995-1996), ministro da Saúde (1998-2002), prefeito de São Paulo (2005-2006) e governador de São Paulo (2007-2010).

Acompanhe a íntegra do discurso do novo ministro das Relações Exteriores

Fonte: Portal Brasil 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Conheça do GovData
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
Plataforma compartilha a análise de dados governamentais
Conheça do GovData
Serviço deve ser solicitado pelo site taxigov.gov.br
TáxiGov: saiba como pedir uma corrida
Usuários devem acessar taxigov.gov.br e realizar o cadastro
TáxiGov: saiba como fazer o primeiro acesso

Últimas imagens

Aulas irão abordar a importância de se adaptar portais para pessoas com deficiência
Aulas irão abordar a importância de se adaptar portais para pessoas com deficiência
Marcos Santos/USP Imagens
Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Curso vai apresentar noções básicas e também os fundamentos legais do orçamento público
Divulgação/EBC

Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Suspensão deve-se ao não cumprimento de tratados firmados no momento de adesão ao bloco
Divulgação/Itamaraty
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Parte da reserva emergencial estabelecida pelo Decreto já foi utilizada para atender ministérios
Foto: Marcos Corrêa/PR
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Primeira parcela corresponde a até metade do valor total e será paga junto aos outros benefícios do mês
Foto: Bernardo Rebello/Caixa
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Cerca de 83,7% das pessoas beneficiadas com recursos das contas do FGTS já fizeram saque
Foto: Rodrigo de Oliveira/Caixa
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Provimento dos cargos vai depender da existência de vagas na data de publicação do edital
Divulgação/Abin
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Cursos de gestão abordam risco, dívida pública, suprimento de fundos e relacionamentos interpessoais
Divulgação/Esaf
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Afastamentos serão concedidos a titulares de cargos efetivos há pelo menos três anos, para mestrado, e quatro anos, para doutorado
Foto: Isa Lima/UnB Agência
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Servidores do Ministério da Transparência podem filiar-se à Unacon e ter descontos em diversas áreas
Divulgação/Unacon

Governo digital