Você está aqui: Página Inicial > Governo > 2017 > 09 > Decreto inclui Lotex no Plano de Desestatização

Governo

Decreto inclui Lotex no Plano de Desestatização

Economia

BNDES e Ministério da Fazenda serão responsáveis pelo processo de concessão
publicado: 12/09/2017 12h32 última modificação: 12/09/2017 12h32

Decreto publicado, nesta terça-feira (12), no Diário Oficial da União, inclui a Loteria Instantânea Exclusiva (Lotex) no Programa Nacional de Desestatização (PND). De acordo com o texto, “o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) será o responsável pela realização de todos atos necessários à consecução da desestatização do serviço”.

Dessa forma, caberá ao BNDES a contratação de instituição responsável pela realização de leilão, pela convocação de audiência pública, pela publicação de consulta pública, além de designar a comissão de licitação, examinar a regularidade jurídica das minutas e publicar o edital de licitação.

O Ministério da Fazenda, por sua vez, será o responsável pela coordenação e pelo monitoramento dos procedimentos e das etapas do processo de desestatização.

A concessão da Loteria Instantânea Exclusiva (Lotex) foi liberada em edição especial do Diário Oficial da União (DOU) publicada no início do mês.

O prazo da permissão será de 25 anos e o processo de licitação será feito na modalidade leilão, a ser realizado em sessão pública por meio de apresentação de propostas econômicas em envelopes fechados.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Diário Oficial da União.

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

registrado em: , ,
Assunto(s): Governo federal, Economia