Você está aqui: Página Inicial > Infraestrutura > 2011 > 08 > BNDES deve financiar 70% dos R$ 650 mi a serem investidos no Aeroporto de São Gonçalo do Amarante

Infraestrutura

BNDES deve financiar 70% dos R$ 650 mi a serem investidos no Aeroporto de São Gonçalo do Amarante

por Portal Brasil publicado: 22/08/2011 20h31 última modificação: 28/07/2014 13h09

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) levou o aeroporto de São Gonçalo do Amarante (RN) a leilão nesta segunda-feira (22) na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). O lance mínimo para o direito de construir e explorar comercialmente o terminal foi de R$ 51,7 milhões. O consórcio Inframérica, vencedor da disputa, ofereceu quantia 228,82% superior e disponibilizou R$ 170 milhões pelos 25 anos de concessão.

Constituído pela empresa argentina Corporación América e pelo Grupo Engevix, o consórcio Inframérica terá três anos para construção do terminal de passageiros, com salas de embarque e desembarque, e das áreas comerciais, como o espaço destinado às lojas. A estimativa da Anac é que o consórcio vencedor invista R$ 650 milhões nas obras, sendo R$ 370 milhões apenas na construção do terminal. O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) deve financiar 70% desses valores.

A União concluirá as pistas de pouso e decolagem, o pátio das aeronaves e as torres de controle. O contrato de concessão poderá ser renovado por, no máximo, mais cinco anos, quando o aeroporto retornará ao poder público. São Gonçalo do Amarante fica a 40 quilômetros de Natal e poderá ser usado na Copa de 2014. A previsão de movimento no terminal é de três milhões de passageiros em 2014, passando para 4,7 milhões em 2020 e 7,9 milhões em 2030.

O executivo da Engevix no Brasil, José Antunes Sobrinho reforçou o interesse em concluir o terminal para que ele seja usado para os jogos em 2014. “Dentro do prazo da concessão para executar a obra nós vamos tentar fazer o mais rápido possível. É nosso interesse ter o aeroporto operacional no momento em que vai ter pico de tráfego, exatamente na Copa do Mundo”.

O aeroporto leiloado nesta segunda é o primeiro terminal federal transferido para a iniciativa privada. Participaram do leilão quatro consórcios: ATP-Contratec, Inframérica, Aeroportos Brasil e Aeroleste Potiguar. No total, o procedimento demorou quase uma hora e teve 88 lances.

De acordo com o ministro-chefe da Secretaria de Aviação Civil (SAC), Wagner Bittencourt, a modelagem para os próximos leilões ainda está sendo elaborada, mas está definido que a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) terá até 49,9% do capital dos aeroportos privatizados de Guarulhos, Viracopos e Brasília, que devem ir a leilão em breve.

“Esses aeroportos são distintos, este [São Gonçalo do Amarante] é novo e os outros já tem participação da Infraero. Todos têm potencial de crescimento e são rentáveis. A modelagem ainda está sendo feita, não estão definidos os parâmetros. Em setembro isso deve ter avançado”, disse Bittencourt.

 

Fonte:
Ministério do Esporte
Copa 2014
Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Novas rotas de voos diminuem emissão de gás carbônico
Quase 150 rotas de voos em território brasileiro serão alteradas em 2014
Carnaval impulsiona campanhas de segurança no trânsito
Na festa, alguns motoristas esquecem responsabilidades no trânsito. Álcool, celular, velocidade e direção não combinam
Governo divulga edital para dragagem no Porto de Santos
Obras fazem parte do Programa de Investimento em Logística (PIL), que prevê investimento de R$ 3,8 bilhões para dragagem do porto
Quase 150 rotas de voos em território brasileiro serão alteradas em 2014
Novas rotas de voos diminuem emissão de gás carbônico
Na festa, alguns motoristas esquecem responsabilidades no trânsito. Álcool, celular, velocidade e direção não combinam
Carnaval impulsiona campanhas de segurança no trânsito
Obras fazem parte do Programa de Investimento em Logística (PIL), que prevê investimento de R$ 3,8 bilhões para dragagem do porto
Governo divulga edital para dragagem no Porto de Santos

Últimas imagens

Energia eólica se apresenta como complementar à gerada pelas usinas hidrelétricas
Energia eólica se apresenta como complementar à gerada pelas usinas hidrelétricas
Divulgação/Portal do Professor-MEC
Porto de Paranaguá é um dos mais importantes centros de comércio marítimo do mundo
Porto de Paranaguá é um dos mais importantes centros de comércio marítimo do mundo
Divulgação/Governo do Paraná
Proprietários das áreas onde estão os parques eólicos também terão um reforço no orçamento com a remuneração pelo uso da terra
Proprietários das áreas onde estão os parques eólicos também terão um reforço no orçamento com a remuneração pelo uso da terra
Divulgação/Blog do Planalto
Sistema de transmissão que escoará a energia do parque eólico, também será entregue oficialmente
Sistema de transmissão que escoará a energia do parque eólico, também será entregue oficialmente
Divulgação/Eletrobras
Municípios contemplados no programa de desenvolvimento da aviação regional
Municípios contemplados no programa de desenvolvimento da aviação regional
Divulgação/Aviação Civil

Governo digital