Você está aqui: Página Inicial > Infraestrutura > 2011 > 12 > Gás natural tem diversas aplicações

Infraestrutura

Gás natural tem diversas aplicações

Petrobras

Combustível pode ser utilizado como fonte de energia elétrica, tendo também usos automotivos e domésticos
por Portal Brasil publicado: 13/12/2011 12h36 última modificação: 28/07/2014 13h21
Agência Petrobras de Notícias Gás natural é transportado por meio de gaseodutos. Recurso pode ser utilizado como fonte de geração de energia elétrica,  tendo também aplicações automotivas e domésticas

Gás natural é transportado por meio de gaseodutos. Recurso pode ser utilizado como fonte de geração de energia elétrica, tendo também aplicações automotivas e domésticas

O gás natural, assim como o petróleo, pode ser encontrado em rochas porosas do subsolo, em conjunto com o energético líquido (gás associado) ou isoladamente.

Versátil, pode ser utilizado como fonte de geração de energia elétrica (ao substituir o carvão e o óleo combustível), tendo também aplicações automotivas (usado no lugar da gasolina, do etanol e do óleo diesel) e domésticas (em vez do GLP).

Além disso, o gás natural é insumo básico da indústria gasoquímica, responsável pela produção de grande quantidade de compostos como o metanol e a ureia.

Ao acompanhar a tendência mundial de aproveitamento de combustíveis mais limpos, o Brasil tem investido na expansão do uso do gás natural, que apresenta menor emissão de poluentes no processo de combustão, além de favorecer maior durabilidade aos equipamentos que o utilizam. Por isso, este energético é chamado de “combustível do futuro”.

O Plano Decenal de Expansão de Energia – PDE 2021 prevê para o ano de 2016 uma produção de 134 milhões de m³/dia e, para o ano de 2021 uma produção de 200 milhões de m³/dia.


Fontes:

Departamento de gás natural do Ministério de Minas e Energia
Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP)

 

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Porto de Itaqui é o sexto mais movimentado do Brasil
O governo investiu R$ 70 milhões no Berço 108 do Porto de Itaqui, que é a porta de entrada de boa parte do combustível importado pelo Brasil
Nova lei traz mudanças para o Código de Trânsito Brasileiro
Diretor do Denatran destaca as três principais, entre elas, o Sistema de Notificação Eletrônico.
Diretor do Denatran faz balanço da Operação Rodovida
Operação é feita para prevenir e evitar acidentes nas rodovias federais durante os feriados de fim e início de ano
O governo investiu R$ 70 milhões no Berço 108 do Porto de Itaqui, que é a porta de entrada de boa parte do combustível importado pelo Brasil
Porto de Itaqui é o sexto mais movimentado do Brasil
Diretor do Denatran destaca as três principais, entre elas, o Sistema de Notificação Eletrônico.
Nova lei traz mudanças para o Código de Trânsito Brasileiro
Operação é feita para prevenir e evitar acidentes nas rodovias federais durante os feriados de fim e início de ano
Diretor do Denatran faz balanço da Operação Rodovida

Últimas imagens

A taxa máxima de embarque internacional, que era R$ 109,13, agora custa R$ 113,04
A taxa máxima de embarque internacional, que era R$ 109,13, agora custa R$ 113,04
Foto: divulgação/secretaria de Aviação Civil
Refrota atende à Política Nacional e Programa de Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana
Refrota atende à Política Nacional e Programa de Infraestrutura de Transporte e da Mobilidade Urbana
Foto: Hmenon Oliveira/Gov. do Distrito Federal
Montante vai impulsionar desenvolvimento regional e fomentar redes de arranjos produtivos locais
Montante vai impulsionar desenvolvimento regional e fomentar redes de arranjos produtivos locais
Divulgação/Governo do Pará
Alimentos são adquiridos dos agricultores familiares e entregues a pessoas em situação de insegurança alimentar
Alimentos são adquiridos dos agricultores familiares e entregues a pessoas em situação de insegurança alimentar
Divulgação/Conab
Participação das renováveis também aumentou na oferta interna, indo de 75,5% em 2015 para 82,4% em 2016
Participação das renováveis também aumentou na oferta interna, indo de 75,5% em 2015 para 82,4% em 2016
Alberto Coutinho/Governo da Bahia

Governo digital