Você está aqui: Página Inicial > Infraestrutura > 2014 > 05 > Galeão terá plano de contingência contra queda de energia

Infraestrutura

Galeão terá plano de contingência contra queda de energia

Aviação civil

Em reunião entre operador, empresa responsável pelo fornecimento de energia e governo federal, elaboração do plano foi estipulada para esta semana
por Portal Brasil publicado: 05/05/2014 17h24 última modificação: 30/07/2014 03h01
Serão definidos plano de contingência e medidas preventivas para o aeroporto até sexta-feira

Serão definidos plano de contingência e medidas preventivas para o aeroporto até sexta-feira

Até sexta-feira (9), o Aeroporto Internacional do Galeão (Rio de Janeiro) terá um plano contingencial definido para caso de quedas de energia elétrica. A decisão foi tomada nesta segunda-feira (5) em reunião envolvendo o ministro da Secretaria de Aviação Civil (SAC), Moreira Franco, o Ministério de Minas e Energia, a Infraero, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e o operador do aeroporto do Galeão.A implantação ocorrerá já na segunda semana do mês de maio.

Há poucos dias, um animal entrou numa subestação do aeródromo e provocou a queda do fornecimento de energia. “Temos que nos preparar para evitar não só a entrada de animais, mas sobretudo para termos alternativas técnicas para que a situação não se repita”, declarou Moreira Franco.

De acordo com o ministro, um levantamento técnico foi feito e a situação do fornecimento de energia do Galeão não é complexa. “Estudou-se todas as alternativas de natureza técnica, as condições operacionais hoje e as contingenciais possíveis e necessárias. Precisamos ter garantias para que não haja nenhum problema”.

Fonte:
Secretaria de Aviação Civil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Lei sancionada regulamenta prorrogação de concessões em transporte
Presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a lei que regulamenta as condições para a prorrogação de contratos de parceria na área de transportes
Setor de aviação civil está em rota de crescimento, diz ministro dos Transportes
Maurício Quintella disse que o setor está em rota de crescimento após 19 meses de quedas sucessivas na demanda por voos
Campanha busca prevenir acidentes entre caminhoneiros
Ministério do Trabalho realizou campanha Abril Verde com objetivo de impedir acidentes de trabalho em transportes terrestres
Presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a lei que regulamenta as condições para a prorrogação de contratos de parceria na área de transportes
Lei sancionada regulamenta prorrogação de concessões em transporte
Maurício Quintella disse que o setor está em rota de crescimento após 19 meses de quedas sucessivas na demanda por voos
Setor de aviação civil está em rota de crescimento, diz ministro dos Transportes
Ministério do Trabalho realizou campanha Abril Verde com objetivo de impedir acidentes de trabalho em transportes terrestres
Campanha busca prevenir acidentes entre caminhoneiros

Últimas imagens

Condutores devem sempre respeitar os limites de velocidade e usar o cinto de segurança
Condutores devem sempre respeitar os limites de velocidade e usar o cinto de segurança
Thiago Amaral/Governo do Piauí
O recadastramento é válido somente para os veículos que vincularam o código do adesivo à placa
O recadastramento é válido somente para os veículos que vincularam o código do adesivo à placa
Diego Gurgel/Governo do Acre
Empreendimentos são compostos por apartamentos de 44,90 m² avaliados em R$ 64 mil cada
Empreendimentos são compostos por apartamentos de 44,90 m² avaliados em R$ 64 mil cada
Foto: Bruno Peres/Ministério das Cidades
Incidente não causou nenhuma vítima, e a água seguiu por um riacho até chegar ao rio Moxotó
Incidente não causou nenhuma vítima, e a água seguiu por um riacho até chegar ao rio Moxotó
Divulgação/Ministério da Integração Nacional
O edital prevê o pagamento máximo de R$ 963 mil para cada projeto aprovado
O edital prevê o pagamento máximo de R$ 963 mil para cada projeto aprovado
Foto: José Medeiros/Governo do Mato Grosso

Governo digital