Você está aqui: Página Inicial > Infraestrutura > 2014 > 06 > Reformas oferecem mais conforto aos visitantes e habitantes de Salvador

Infraestrutura

Reformas oferecem mais conforto aos visitantes e habitantes de Salvador

Infraestrutura aeroportuária

Terminal já atende a demanda prevista para 2014. Obras visam recompor o conforto para os usuários
por Portal Brasil publicado: 02/06/2014 07h07 última modificação: 30/07/2014 02h58

O Aeroporto Internacional de Salvador - Deputado Luís Eduardo Magalhães recebeu investimento para obras de modernização da ordem de R$ 127 milhões. Realizadas em três fases, as obras visaram recompor o conforto do aeroporto, já que o terminal, com capacidade para 13 milhões de embarques e desembarques, já atende a demanda prevista pra 2014, quando são esperados 10,08 milhões de passageiros, grande parte em razão da Copa do Mundo, uma vez que a capital baiana é sede da competição. 

A primeira fase, iniciada em junho de 2012, previa a construção da Torre de Controle com 60 metros do solo à cabine, com um investimento de R$ 16,14 milhões, previsão de conclusão em maio de 2014 e operação após a Copa. 

Em setembro de 2012 deu-se início à ampliação do pátio de aeronaves, que foi concluída em setembro de 2013, com um investimento de R$ 17,56 milhões. Com a obra, o pátio de aeronaves passou de 79.645 m² em 2011 para os atuais 91.395 m². 

Por fim, a obra mais significativa para a Copa do Mundo e para a população local é a reforma e adequação do terminal de passageiros, com a finalidade de oferecer mais conforto ao público, que começou em janeiro de 2013 e tem previsão de conclusão para maio de 2014, com investimento total de R$ 93,53 milhões. 

A primeira fase da nova área de check-in foi entregue em fevereiro de 2014. O espaço tem 36 balcões de atendimento para as empresas aéreas e se soma aos 28 existentes atualmente, totalizando 64 posições. Foram entregues ainda no pavimento térreo a sala de embarque doméstico remoto (ampliada de 218,04 m² para 573,41 m²); novos sanitários, mais amplos; um novo conjunto de banheiros do saguão de desembarque internacional; novo conjunto de elevador, escadas rolantes e escada fixa para ligação do térreo ao 1º pavimento; reforma do elevador do desembarque internacional; novas esteiras da praça de bagagem e de restituição de bagagem em formato “U” na sala de desembarque doméstico. 

Outros serviços serão executados até julho de 2014. Estão incluídas melhorias no térreo, como o desembarque internacional remoto, posto médico, adequação da saída do desembarque, salas de bagagens extraviadas, central telefônica. No primeiro pavimento as reformas envolvem lojas comerciais, pontes de embarque, adequação dos portões, rampa de acesso ao conector, elevadores panorâmicos, enquanto no segundo pavimento serão contempladas áreas administrativas e elevadores panorâmicos. 

A segunda etapa das obras de reforma do aeroporto já estava prevista para depois da Copa do Mundo. Isso porque o aeroporto tem capacidade para atender a demanda projetada para o ano de 2014, incluindo o movimento que surgirá em função dos eventos previstos para este ano. 

Aeroportos se preparam para o aumento de demanda do setor aéreo brasileiro

Fontes:
Agência Nacional de Aviação Civil
Portal da Copa

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Campanha busca prevenir acidentes entre caminhoneiros
Ministério do Trabalho realizou campanha Abril Verde com objetivo de impedir acidentes de trabalho em transportes terrestres
Fundo de R$ 10 bilhões promoverá concessões municipais
Programa vai ajudar municípios a melhorar serviços de iluminação pública, água, esgoto e asfalto
Novas regras do Minha Casa Minha Vida ampliarão acesso ao programa
A meta do Ministério das Cidades é contratar, ainda este ano, 100 mil novas unidades habitacionais do programa
Ministério do Trabalho realizou campanha Abril Verde com objetivo de impedir acidentes de trabalho em transportes terrestres
Campanha busca prevenir acidentes entre caminhoneiros
Programa vai ajudar municípios a melhorar serviços de iluminação pública, água, esgoto e asfalto
Fundo de R$ 10 bilhões promoverá concessões municipais
A meta do Ministério das Cidades é contratar, ainda este ano, 100 mil novas unidades habitacionais do programa
Novas regras do Minha Casa Minha Vida ampliarão acesso ao programa

Últimas imagens

O programa Meta ainda comtemplará o Plano de Desburocratização do governo federal
O programa Meta ainda comtemplará o Plano de Desburocratização do governo federal
Divulgação/Itaipu Binacional
Foi lançado também o Programa Cartão Reforma, para melhorar a qualidade habitacional das moradias
Foi lançado também o Programa Cartão Reforma, para melhorar a qualidade habitacional das moradias
Divulgação/Ministério do Planejamento
Expansão prevista para os próximos três anos no País chegará a 18,6 GW, com destaque para a energia eólica
Expansão prevista para os próximos três anos no País chegará a 18,6 GW, com destaque para a energia eólica
Divulgação/Ministério do Planejamento

Governo digital