Você está aqui: Página Inicial > Infraestrutura > 2017 > 03 > Pará recebe R$ 27 milhões para recuperação de orla

Infraestrutura

Pará recebe R$ 27 milhões para recuperação de orla

Obras

Força das marés danificou avenidas e muros de contenção
por Portal Brasil publicado: 17/03/2017 19h22 última modificação: 20/03/2017 16h31

Para recuperar áreas degradadas em Belém (PA), o Ministério da Integração autorizou o repasse de R$ 27 milhões à prefeitura da cidade. Os recursos serão aplicados em obras de recomposição da orla da Ilha do Mosqueiro e reconstrução de muros de contenção e de vias públicas em dez praias.

A força das marés na região tem causado inundações e erosões no solo da região. Em um período de chuvas, a situação pode oferecer riscos à segurança da população.

"Essa parceria com a prefeitura permite obras de intervenção fundamentais para conter as erosões que estão causando transtornos à nossa querida Ilha do Mosqueiro. É um local onde milhares habitam e outros tantos utilizam como balneário, pela beleza de suas praias e de seus rios. Aqui demonstramos que as relações institucionais, a harmonia institucional, a parceria em favor de Belém e do Pará são necessárias, e é isso que a sociedade paraense e de Belém desejam daqueles que os representam", afirmou o ministro Helder Barbalho.

Helder Barbalho visitou a Ilha do Mosqueiro com equipes da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) em fevereiro para vistoriar as áreas atingidas.

A prefeitura de Belém enviou um plano de trabalho para a Defesa Civil Nacional, detalhando as obras de recuperação da orla. A documentação foi analisada e aprovada pela secretaria.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Integração

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Lei sancionada regulamenta prorrogação de concessões em transporte
Presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a lei que regulamenta as condições para a prorrogação de contratos de parceria na área de transportes
Setor de aviação civil está em rota de crescimento, diz ministro dos Transportes
Maurício Quintella disse que o setor está em rota de crescimento após 19 meses de quedas sucessivas na demanda por voos
Campanha busca prevenir acidentes entre caminhoneiros
Ministério do Trabalho realizou campanha Abril Verde com objetivo de impedir acidentes de trabalho em transportes terrestres
Presidente Michel Temer sancionou, com vetos, a lei que regulamenta as condições para a prorrogação de contratos de parceria na área de transportes
Lei sancionada regulamenta prorrogação de concessões em transporte
Maurício Quintella disse que o setor está em rota de crescimento após 19 meses de quedas sucessivas na demanda por voos
Setor de aviação civil está em rota de crescimento, diz ministro dos Transportes
Ministério do Trabalho realizou campanha Abril Verde com objetivo de impedir acidentes de trabalho em transportes terrestres
Campanha busca prevenir acidentes entre caminhoneiros

Últimas imagens

Condutores devem sempre respeitar os limites de velocidade e usar o cinto de segurança
Condutores devem sempre respeitar os limites de velocidade e usar o cinto de segurança
Thiago Amaral/Governo do Piauí
O recadastramento é válido somente para os veículos que vincularam o código do adesivo à placa
O recadastramento é válido somente para os veículos que vincularam o código do adesivo à placa
Diego Gurgel/Governo do Acre
Empreendimentos são compostos por apartamentos de 44,90 m² avaliados em R$ 64 mil cada
Empreendimentos são compostos por apartamentos de 44,90 m² avaliados em R$ 64 mil cada
Foto: Bruno Peres/Ministério das Cidades
Incidente não causou nenhuma vítima, e a água seguiu por um riacho até chegar ao rio Moxotó
Incidente não causou nenhuma vítima, e a água seguiu por um riacho até chegar ao rio Moxotó
Divulgação/Ministério da Integração Nacional
O edital prevê o pagamento máximo de R$ 963 mil para cada projeto aprovado
O edital prevê o pagamento máximo de R$ 963 mil para cada projeto aprovado
Foto: José Medeiros/Governo do Mato Grosso

Governo digital