Você está aqui: Página Inicial > Infraestrutura > 2017 > 11 > População do interior de São Paulo terá mais 1,8 mil residências

Infraestrutura

População do interior de São Paulo terá mais 1,8 mil residências

Agora, é Avançar

Iniciativa do Governo do Brasil assegura o acesso a moradia a 7,1 mil paulistas em Americana e Limeira
publicado: 02/12/2017 12h38 última modificação: 03/12/2017 09h37

Programa Agora, é Avançar chega a São Paulo

Após investimentos do Governo do Brasil na ordem de R$ 510 milhões, 7,1 mil moradores de classes mais baixas do interior de São Paulo terão moradia digna.

As 1,8 mil unidades entregues neste sábado (2) a famílias de Limeira e Americana contam com dois quartos, banheiro, sala cozinha e área de serviço, ao custo de R$ 120 mensais para os proprietários.

Os 20 condomínios ainda foram equipados com parque infantil, quadra de esporte e salão de festas. Para garantir o acesso a serviços básicos, as unidades também estão ligadas a rede de água e esgoto, iluminação, drenagem, coleta de lixo e transporte.

Por meio do programa Agora, é Avançar, do Governo do Brasil, criado para concluir obras inacabadas pelo País, serão investidos mais R$ 4,2 bilhões no setor habitacional em São Paulo. Em todo o estado, 722 projetos de infraestrutura e energia já estão em andamento.

Limeira

Com o custo de R$ 81 milhões, o Condomínio Residencial Rubi III a V é composto de apartamentos com área de 45,94 m². Ao todo, 53 unidades são adaptadas para pessoas com deficiência. Nas proximidades do empreendimento, a menos de três quilômetros de distância, estão localizadas uma creche, cinco escolas, três postos de saúde e um posto de segurança.

Americana 

Com o custo de R$ 64,33 milhões, o Condomínio Residencial Vida Nova I e II são compostos de apartamentos adaptados para pessoas com deficiência com 46,55 m² de área. Nas proximidades do empreendimento, a menos de um quilômetro de distância, estão localizadas duas creches, três escolas e três postos de saúde.

Programa

Lançado em novembro pelo Governo do Brasil, o Agora, é Avançar tem investimento de R$ 130 bilhões e deve terminar mais de sete mil obras que estavam paradas pelo País.

As obras são estruturantes. Alguns critérios técnicos foram aplicados para a seleção do programa. A disponibilidade de orçamento e a possibilidade de conclusão e entrega até 2018 terão prioridade no fluxo de alocação de recursos.

Fonte: Governo do Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil