Você está aqui: Página Inicial > Infraestrutura > 2017 > 12 > Aeroporto de Passo Fundo (RS) vai receber R$ 45 milhões para reforma

Infraestrutura

Aeroporto de Passo Fundo (RS) vai receber R$ 45 milhões para reforma

Transporte

Objetivo é aumentar a capacidade do terminal, que fica a 290 km da capital Porto Alegre
publicado: 08/12/2017 11h01 última modificação: 08/12/2017 11h01

Os investimentos no Aeroporto de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, estão garantidos. O Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil assinou Termo de Compromisso de R$ 45 milhões com o governo do estado, nesta quinta-feira (7).

O objetivo é aumentar a capacidade do terminal da cidade, que fica a 290 km da capital Porto Alegre, para que seja possível a operação de aeronaves da categoria 3C. Na região, o setor de serviços puxa a economia, obtendo o quinto melhor resultado do estado. 

Do total de R$ 45 milhões, 97% terão contribuição do Governo do Brasil e o restante do governo estadual. Segundo a pasta, a duração do projeto será de 22 meses. Na primeira fase do empreendimento, que deve acabar até dezembro de 2018, serão recuperadas a pista de pouso e decolagem, e será feita a regularização das faixas de pista para operação por instrumento e das áreas de segurança.

Na segunda fase, a meta é construir um terminal de passageiros, seção contra incêndio, taxiway e pátio de aeronaves, e também equipar o terminal com ferramentas de navegação aérea. “Até 2018, teremos o empenho de R$ 27 milhões do Orçamento para recuperação das pistas e os demais recursos pós 2019. Com isso, poderemos ampliar a oferta dos voos para Passo Fundo”, explicou o ministro dos Transportes, Maurício Quintella, lembrando que os valores serão repassados à medida que as etapas forem concluídas.

O Programa de Investimentos em Aeroportos Regionais neste momento tem 17 compromissos vigentes no valor total de R$ 162,5 milhões — R$ 142,1 milhões do Governo do Brasil. Obras de infraestrutura como reforma ou ampliação de pistas de pouso e decolagem, construção de terminais de passageiros, pistas de taxiway, e compra de equipamentos para auxílio à navegação são as principais ações proporcionadas pelo programa.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil