Você está aqui: Página Inicial > Meio Ambiente > 2010 > 12 > Atualizações sobre as negociações do Protocolo de Kyoto

Meio ambiente

Atualizações sobre as negociações do Protocolo de Kyoto

Partes começaram a demonstrar a disposição necessária para um acordo sobre um segundo período de compromisso do Protocolo
por Portal Brasil publicado: 09/12/2010 11h12 última modificação: 28/07/2014 11h47
Ministra do Meio Ambiente do Brasil, Izabella Teixeira (direita), durante Coletiva de Imprensa em Cancun

Ministra do Meio Ambiente do Brasil, Izabella Teixeira (direita), durante Coletiva de Imprensa em Cancun

À medida que a Conferência do Clima COP16 entra em seu segmento de alto nível, a Ministra do Brasil de Meio Ambiente, Izabella Teixeira, disse hoje, em Cancun, que as partes começaram a demonstrar a disposição necessária para um acordo sobre um segundo período de compromisso do Protocolo de Kyoto, apesar dos obstáculos técnicos ainda não resolvidos.

"Em todas as consultas que fizemos, os países têm demonstrado a disposição política para alcançar um novo acordo para o segundo período de compromisso do Protocolo de Kyoto. Estou otimista de que poderemos alcançar este objetivo comum."

No entanto, a Ministra atenuou seu otimismo com pragmatismo, ressaltando que ainda existem vários desafios a serem resolvidos: "Agora, estamos operando no nível político. O que ainda precisamos resolver é que acordos técnicos teremos que adotar, considerando o histórico de negociações que temos hoje", explicou ela.

Desde segunda-feira, a Ministra Izabella e o Secretário do Reino Unido para Mudança Climática, Chris Huhne, co-presidem as conversas informais com importantes grupos e países para facilitar o diálogo político e tentar dar andamento às discussões sobre a continuação do Protocolo de Kyoto.

» Siga o Brasil na COP 16

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Banner - Combate às Queimadas

Últimos vídeos

Conheça a proposta do Santuário de Baleias do Atlântico Sul
Para proteger a população das diferentes espécies de baleias da região do Atlântico Sul, o Brasil, a Argentina, a África do Sul, o Uruguai e o Gabão estão propondo a criação do santuário
Revitalizar o Rio São Francisco é preservar a vida humana, diz Michel Temer
O governo federal lançou um programa de revitalização da bacia do Rio São Francisco.
"Qualidade da água é imporante", diz ministro
Governo Federal lança o Plano de ‎Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, que prevê ações como proteção de nascentes, educação ambiental e saneamento básico.
Para proteger a população das diferentes espécies de baleias da região do Atlântico Sul, o Brasil, a Argentina, a África do Sul, o Uruguai e o Gabão estão propondo a criação do santuário
Conheça a proposta do Santuário de Baleias do Atlântico Sul
O governo federal lançou um programa de revitalização da bacia do Rio São Francisco.
Revitalizar o Rio São Francisco é preservar a vida humana, diz Michel Temer
Governo Federal lança o Plano de ‎Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, que prevê ações como proteção de nascentes, educação ambiental e saneamento básico.
"Qualidade da água é imporante", diz ministro

Últimas imagens

Estabelecidas por decreto em 1990, as RPPNs passaram a ser consideradas unidades de conservação no ano 2000
Estabelecidas por decreto em 1990, as RPPNs passaram a ser consideradas unidades de conservação no ano 2000
Divulgação/ICMBio
Um helicóptero, cedido pelo governo estadual, e oito veículos ajudam no transporte de pessoal
Um helicóptero, cedido pelo governo estadual, e oito veículos ajudam no transporte de pessoal
Divulgação/ICMBio
Artigo publicado na revista Nature afirma que apenas o combate ao desmatamento não é suficiente para conservar a biodiversidade do bioma
Artigo publicado na revista Nature afirma que apenas o combate ao desmatamento não é suficiente para conservar a biodiversidade do bioma
Divulgação/Ministério do Meio Ambiente
A Samarco foi notificada para retirar o material com urgência e garantir a segurança da barragem.
A Samarco foi notificada para retirar o material com urgência e garantir a segurança da barragem.
Arquivo/Ibama

banner_servico.jpg

Governo digital