Você está aqui: Página Inicial > Meio Ambiente > 2011 > 06 > Campanha Coleta Seletiva de Lixo

Meio ambiente

Campanha Coleta Seletiva de Lixo

Campanha busca ensinar consumidores brasileiros a separar corretamente o lixo e ajudar na geração de renda e emprego, além da preservação dos recursos naturais
por Portal Brasil publicado: 17/06/2011 17h15 última modificação: 28/07/2014 12h55
Portal Brasil Um dos cartazes da campanha de coleta seletiva do lixo: meta é ensinar a população a separar lixo doméstico

Um dos cartazes da campanha de coleta seletiva do lixo: meta é ensinar a população a separar lixo doméstico

A campanha está sendo reveiculada na tv aberta a partir do dia 20 de novembro até dia 8 de dezembro de 2011, o Ministério do Meio Ambiente, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, inicia uma campanha nacional para conscientizar a população brasileira sobre o valor do lixo, como separá-lo adequadamente para gerar renda e emprego e de que maneira podemos utilizá-lo para preservar nossos recursos naturais. 

Com a mensagem “Separe o lixo e acerte na lata”, a primeira etapa da campanha traz peças publicitárias que têm como personagem principal o lixo e tudo o que ele ainda pode oferecer: desde adubo e energia - para o caso dos resíduos úmidos -, até madeira sintética e tecido - através da reciclagem de garrafas pets e embalagens longa vida.

Para ser um participante ativo desta empreitada, é preciso saber como separar corretamente o lixo seco do lixo úmido. Isso facilita o trabalho dos catadores de lixo reciclável, que conseguem recolher maior quantidade de material reaproveitado e aumentar a renda com a venda dos resíduos.

Material reciclável

O lixo úmido (ou orgânico) é composto por restos de alimentos, cascas e ossos, pó de café e de chá, galhos e podas. Separados e reciclados, pode servir de adubo na produção agrícola ou como insumo para gerar energia.

O lixo seco, por sua vez, é todo o resíduo feito de papel (como caixas longa vida), vidro (potes de maionese), metal (latas de alumínio) e plástico (garrafas PET). Se limpos e separados corretamente, podem gerar emprego, renda e poupar recursos naturais. Com garrafas PET, por exemplo, é possível produzir madeira sintética ou um novo plástico. 

Acesse o link da campanha para mais informações. 

Fonte:

Ministério do Meio Ambiente 

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Banner - Combate às Queimadas

Últimos vídeos

Conheça o Parque Nacional dos Campos Ferruginosos, localizado no Pará
A Floresta Nacional de Carajás é unidade de conservação de uso sustentável
Extrativismo não afeta regeneração de castanheiras
No Mato Grosso foi observado que, apesar dos altos níveis de coleta, houve bom número de estoque de regeneração
Brasil apresenta relatório sobre adoção dos ODS
O relatório sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável ocorreu durante o Fórum Político de Alto Nível da Organização das Nações Unidas (ONU), nos Estados Unidos
A Floresta Nacional de Carajás é unidade de conservação de uso sustentável
Conheça o Parque Nacional dos Campos Ferruginosos, localizado no Pará
No Mato Grosso foi observado que, apesar dos altos níveis de coleta, houve bom número de estoque de regeneração
Extrativismo não afeta regeneração de castanheiras
O relatório sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável ocorreu durante o Fórum Político de Alto Nível da Organização das Nações Unidas (ONU), nos Estados Unidos
Brasil apresenta relatório sobre adoção dos ODS

Últimas imagens

O objetivo é acompanhar a recuperação da bacia hidrográfica do rio Doce, das zonas costeira e estuarina vizinhas
O objetivo é acompanhar a recuperação da bacia hidrográfica do rio Doce, das zonas costeira e estuarina vizinhas
Divulgação/Ibama
Dados foram comparados aos genomas de outros quatro grandes felinos
Dados foram comparados aos genomas de outros quatro grandes felinos
Adriano Gambarini/ICMBio
Levantamento será usado para subsidiar proposta de criação de parque municipal na região de Penha
Levantamento será usado para subsidiar proposta de criação de parque municipal na região de Penha
Divulgação/ICMBio
Projeto Ecotrilhas Serrinha pretende estruturar outras cinco trilhas na região
Projeto Ecotrilhas Serrinha pretende estruturar outras cinco trilhas na região
Divulgação/ICMBio
No Brasil, o processo de ratificação do Acordo de Paris foi concluído em setembro de 2016
No Brasil, o processo de ratificação do Acordo de Paris foi concluído em setembro de 2016
Zig Koch/MMA

banner_servico.jpg

Governo digital