Você está aqui: Página Inicial > Meio Ambiente > 2013 > 11 > Ibama autoriza operação de fábrica de combustível nuclear

Meio Ambiente

Ibama autoriza operação de fábrica de combustível nuclear

Licença

Ação permite agregar Programas Ambientais em um único instrumento, garantindo maior eficácia no controle ambiental da instalação
por Portal Brasil publicado: 05/11/2013 18h05 última modificação: 29/07/2014 23h55
Divulgação/ Indústrias Nucleares do Brasil (INB) Combustível produzido nas fábricas são usadas nas Usinas Nucleares de Angra

Combustível produzido nas fábricas são usadas nas Usinas Nucleares de Angra

O Ibama emitiu a Licença de Operação n° 1174/2013 para as três unidades da Fábrica de Combustível Nuclear (FCN) da Indústrias Nucleares do Brasil (INB), localizadas em Engenheiro Passos, distrito do município de Resende/RJ.

A Fábrica da INB/Resende é responsável pelo Enriquecimento do Urânio (FCN III), Reconversão e Produção de Pastilhas de Dióxido de Urânio (FCN II) e pela produção dos componentes e pela montagem (FCN I) dos elementos combustíveis que são utilizados pelas Usinas Nucleares Angra I e Angra II.

A unificação do licenciamento das três unidades fabrís permite agregar os Programas Ambientais em um único instrumento de gestão, garantindo maior eficácia no controle ambiental da instalação ao se observar a sinergia operacional e as suas interações com o sítio e seu entorno. A licença de operação emitida é válida pelo período de 6 (seis) anos.
 

Fonte:
Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Banner - Combate às Queimadas

Últimos vídeos

ICMBio completa 10 anos de atuação
Instituto agrega 324 unidades de conservação, que somam quase 80 milhões de hectares - o equivalente a 9% do território nacional
Confira as oportunidades geradas pelas Unidades de Conservação
Unidades de Conservação oferecem oportunidades para as comunidades do entorno e também aos visitantes. Confira entrevista com o presidente do ICMBio, Ricardo Soavinski
ICMBio amplia trabalho de prevenção a incêndios
Presidente do ICMBio, Ricardo Soavinski, explica as ações do instituto para combater queimadas que ameaçam flora e fauna do País
Instituto agrega 324 unidades de conservação, que somam quase 80 milhões de hectares - o equivalente a 9% do território nacional
ICMBio completa 10 anos de atuação
Unidades de Conservação oferecem oportunidades para as comunidades do entorno e também aos visitantes. Confira entrevista com o presidente do ICMBio, Ricardo Soavinski
Confira as oportunidades geradas pelas Unidades de Conservação
Presidente do ICMBio, Ricardo Soavinski, explica as ações do instituto para combater queimadas que ameaçam flora e fauna do País
ICMBio amplia trabalho de prevenção a incêndios

Últimas imagens

Empresa aderiu à nova regra, instituída por decreto assinado pelo presidente da República, Michel Temer, na tarde deste sábado (21)
Empresa aderiu à nova regra, instituída por decreto assinado pelo presidente da República, Michel Temer, na tarde deste sábado (21)
Foto: Dênio Simões/Agência Brasília
Redução chega a 76% quando comparada a 2004. Os estados com maior queda são Tocantins (55%) e Roraima (43%)
Redução chega a 76% quando comparada a 2004. Os estados com maior queda são Tocantins (55%) e Roraima (43%)
Foto: Gilberto Soares/MMA
Processos passaram a ser mais ágeis, dinâmicos, e conferem mais vantagens aos produtores
Processos passaram a ser mais ágeis, dinâmicos, e conferem mais vantagens aos produtores
Foto: Eduardo Aigner/MDA

banner_servico.jpg

Governo digital