Ciência e Tecnologia

Inovação

Nanotecnologia possibilita a criação de produtos mais eficientes

Na maioria das vezes, tecnologia é usada para fabricar dispositivos pequenos, como celulares
publicado: 26/08/2010 17h17, última modificação: 23/12/2017 11h14
Nanotecnologia

Nanotecnologia permite a criação de equipamentos mais eficientes - Foto: DuPont do Brasil/Divulgação

Considerada a tecnologia-chave do século XXI, a nanotecnologia tem grande potencial de vendas por possibilitar a criação de novos materiais, produtos e processos por meio da manipulação de átomos e moléculas. O resultado de sua aplicação são medicamentos mais eficazes, materiais mais resistentes, computadores com maior capacidade de armazenamento, além de acarretar benefícios socioambientais.

Um bom exemplo é a tecnologia dos OLEDs (dispositivos orgânicos emissores de luz) que podem ser produzidos em qualquer tamanho e aplicados em vários tipos de produtos. Na maioria das vezes a tecnologia é usada para fabricar dispositivos pequenos, como celulares, tocadores MP3, máquinas fotográficas, com a vantagem de consumir menos energia e serem mais baratos.

O Brasil tem desenvolvido ações importantes em Ciência, Tecnologia e Inovação (C&T&I), com resultados concretos na produção científica, tecnológica e formação de recursos humanos em áreas consideradas estratégicas, particularmente em determinados campos de nanotecnologia e nanociência (N&N).

>> Saiba mais sobre o Panorama da Nanotecnologia no Mundo e no Brasil.

Fontes:
Ministério da Ciência e Tecnologia

error while rendering plone.belowcontentbody.relateditems