Educação

Exame Nacional do Ensino Médio

Confira algumas dicas para se sair bem na redação do Enem

Professora de redação explica como textos dos candidatos serão avaliados e fala da importância
publicado: 24/10/2015 09h12, última modificação: 23/12/2017 10h26
Professora de português dá dicas para a redação do Enem

Os candidatos do Enem devem estar atentos em relação a temas atuais - Foto: EBC

Os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2015 farão, neste domingo (25), a prova de redação. E uma boa nota na avaliação pode ser decisiva para que o estudante consiga garantir a certificação do Ensino Médio ou até mesmo uma vaga no Ensino Superior.

A professora de português Daniela Maria Barbosa conversou com a reportagem do Portal Brasil e elencou dicas a serem seguidas pelos estudantes. É fundamental, segundo Daniela, que os candidatos estejam acompanhando assuntos recentes relacionados ao País. 

"A banca avaliadora sempre procura trabalhar em quatros grandes eixos: temas relacionados ao meio ambiente; temas sociais; temas ligados à educação; ou à estrutura do País, como melhorias políticas e econômicas", explicou.

"A leitura é muito importante nessa etapa. E atentar-se a alguns temas específicos, como intolerâncias religiosas, étnicas e raciais, e a questão da crise hídrica", completou Daniela.  

A redação do Enem exige obediência dos alunos a cinco competências: respeito à norma culta; apresentar obrigatoriamente estrutura de texto dissertativo/argumentativo; relacionar o tema da redação a outras áreas do conhecimento; utilizar mecanismos coesivos; apresentar proposta de intervenção que respeite os direitos humanos.    

Norma culta

Uma outra recomendação da professora para esta etapa é que os participantes dominem os mecanismos de ortografia, de concordância e de pontuação da Língua Portuguesa.

"E fica uma dica: se há dúvida a respeito da grafia de alguma palavra, substitua por um sinônimo", sugeriu. "Eu gostaria que eles lembrassem também de evitar coloquialismo e gírias", acrescentou a professora.

Dissertação argumentativa

É necessário que as redações dos alunos tenham caráter dissertativo/argumentativo, estejam estruturadas em introdução, desenvolvimento e conclusão e apresentem sugestão de intervenção para o problema proposto pelo tema da prova.

"Ou seja, ele deve fazer um encaminhamento para o problema. Não significa, necessariamente, que o problema vá ser resolvido, porque alguns problemas não são solucionáveis, mas podem ser amenizados", afirmou Daniela.

Outras áreas do conhecimento

Na terceira competência, lembra a professora, o avaliador vai aferir se o aluno é capaz de relacionar o tema da redação com outras áreas do conhecimento. "É importante, nesse momento, que ele se atente aos seus conhecimentos prévios a respeito de geografia, história, filosofia, sociologia, literatura ou alguma música que possa enriquecer o tema".

Coesão

Os textos dos alunos devem apresentar lógica de progressão e, para isso, eles precisam utilizar mecanismos coesivos, que estabeleçam conexões entre os argumentos e que deem continuidade ao pensamento. "Como, por exemplo, 'nesse sentido', 'a título de exemplificação', 'nesse contexto', 'vale ainda ressaltar que' e outros conectivos", enumerou Daniela.

Solução ética

Considerada a mais importante e a de maior preocupação entre os estudantes avaliados pelo Enem, a quinta competência os obriga a sugerir intervenção ética para o tema da redação. "Ela [intervenção] precisa respeitar os direitos humanos, porque desrespeitar os direitos humanos leva a redação a ser anulada", advertiu a professora.

O encaminhamento para o problema proposto pelo Enem deve ser tarefa de agentes sociais. No intuito de ajudar os alunos a resgatarem esses atores no momento da prova, a professora de redação utiliza método de memorização. 

"Que eles façam a proposta de intervenção com base na frase mnemônica 'GOMIFES': 'G', de 'governo'; 'O', de 'ONGs'; 'M', de 'mídia'; 'I', de 'instituições privadas'; 'F', de 'família'; 'E', de 'escola'; e 'S', de 'sociedade'", explica ao se referir aos agentes da sociedade que podem ser atores dessa proposta elaborada pelo candidato.

Fonte: Portal Brasil

error while rendering plone.belowcontentbody.relateditems