Infraestrutura

Setor de telecomunicações precisa de mais investimentos, diz Paulo Bernardo

publicado: 17/04/2012 18h39, última modificação: 23/12/2017 00h04

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, disse na abertura do 29º Encontro Telesíntese, que ocorre em Brasília, nesta terça-feira (17), que o setor de telecomunicações precisa de "fortes investimentos" em infraestrutura para suportar com qualidade a demanda por serviços de banda larga e tráfego de voz.

Bernardo acrescentou que as grandes empresas operadoras de telefonia não apostaram no crescimento do mercado brasileiro e, em muitos casos, as vendas superaram a capacidade de oferecer os serviços, gerando gargalos de atendimento e qualidade aos usuários. "Houve falta de previsão. Mas é tempo de recuperar e fazer grandes apostas no mercado brasileiro que está em franco crescimento”, ressaltou o ministro.

Bernardo destacou a publicação da medida provisória que desonera os investimentos para a construção de redes de fibra ótica e a aprovação da lei da TV por assinatura, que dobrou o número de assinantes neste segmento e levou o número de clientes do Programa Nacional de Banda Larga a 1,5 milhão desde o seu início em outubro de 2011.

 

Fonte:
Ministério das Comunicações