Notícias

Repasses

Repasses do SUS para atendimento no Espírito Santo aumentam 16%

Entre as especialidades que podem ser realizadas com o recurso estão cirurgia bariátrica, cardiologia, transplantes e oncologia
publicado: 29/10/2018 18h15, última modificação: 29/10/2018 18h15
Espírito Santo recebe mais R$ 12,9 milhões para atendimento de média e alta complexidade

Os recursos serão transferidos em parcelas mensais do Fundo Nacional de Saúde para o Fundo Estadual de Saúde - Foto: Arquivo/Governo do Brasil

O Ministério da Saúde anunciou, nesta segunda-feira (29), o aumento de 16% nos repasses para o atendimento de média e alta complexidade do Sistema Único de Saúde (SUS) no estado do Espírito Santo. Em números absolutos, o acréscimo foi de R$ 12,9 milhões. Os recursos serão transferidos em parcelas mensais do Fundo Nacional de Saúde para o Fundo Estadual de Saúde.

Entre as especialidades que podem ser realizadas com o recurso estão cirurgia bariátrica, cardiologia, transplantes e oncologia. O Espírito Santo recebe hoje R$ 798,48 milhões de Teto MAC (média e alta complexidade) com incentivos. Ao todo, desde agosto de 2018 o Espírito Santo recebeu do Ministério da Saúde o valor de R$ 22,97 milhões.

Ainda em outubro, o estado recebeu um reforço na Rede de Atenção à Urgência e Emergência do SUS. O Ministério da Saúde incorporou R$ 1,9 milhão no Teto Média e Alta Complexidade do estado, com destinação ao Hospital São José, em Colatina; Hospital Evangélico de Vila Velha; Santa Casa de Guaçuí; Santa Casa de Cachoeiro; e Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim.

Fonte: Ministério da Saúde

Assunto(s): Saúde