Defesa e Segurança

Sistema prisional

Segurança pública do Paraná recebe doação de 18 veículos

Furgões-cela possuem capacidade para transportar oito presos, além da equipe de escolta, e são avaliados em R$ 3,2 milhões
publicado: 14/04/2017 13h40, última modificação: 23/12/2017 11h08
Segurança pública do Paraná recebe doação de 18 furgões-cela

O Paraná recebeu R$ 64,6 milhões, entre 2012 e 2014, para aquisição de diversos equipamentos de segurança - Foto: Divulgação/Ministério da Justiça

O Estado do Paraná receberá 18 furgões-cela, no valor total de R$ 3,2 milhões, doados pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) à Secretaria de Segurança Pública estadual. O ministro da Justiça e Segurança Pública, Osmar Serraglio, assinou, nesta quinta-feira (13), em Curitiba (PR), documento que formaliza a doação.

As novas viaturas estão de acordo com as mais recentes normas do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e do Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária (CNPCP). Elas possuem capacidade para transportar 8 presos, além da equipe de escolta. Os veículos são climatizados e possuem tecnologias de monitoramento por câmera e comunicador interno.

A política de doação de veículos aumenta a autonomia dos sistemas prisionais estaduais, garante mais segurança no transporte e locomoção de presos. A iniciativa integra o Plano Nacional de Segurança Pública ao promover o aparelhamento de penitenciárias em todo o País.

Investimentos em segurança

O Paraná recebeu R$ 64,6 milhões, entre 2012 e 2014, para aquisição de diversos equipamentos de segurança, bem como para implementar o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) de Curitiba, que começou a funcionar durante a Copa do Mundo de 2014.

O Centro Integrado abrange os setores de segurança, defesa civil e bombeiros, agências de mobilidade e trânsito. Possui câmeras instaladas em pontos estratégicos da cidade para monitoramento, funcionando como ferramenta para conter situações de violência.

Além de Curitiba, mais 11 capitais (AM, BA, CE, DF, MG, MT, PE, PR, RJ, RN, RS e SP) receberam essas instalações. O investimento total no período ultrapassou R$ 696,3 milhões.


Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério da Justiça

error while rendering plone.belowcontentbody.relateditems