Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2009 > 11 > Brasileiros compram medicamentos a preço de custo nas farmácias populares

Saúde

Brasileiros compram medicamentos a preço de custo nas farmácias populares

Medicação a preço popular

O projeto Farmácia Popular foi criado para ampliar o acesso a medicamentos essenciais, como analgésicos, antihipertensivos e remédios de controle para diabetes, colesterol, entre outros
por Portal Brasil publicado: 31/10/2009 22h26 última modificação: 30/06/2014 16h00

Qualquer cidadão brasileiro pode comprar medicamentos a preço de custo nas farmácias populares. O projeto Farmácia Popular foi criado para ampliar o acesso dos brasileiros a medicamentos essenciais, como analgésicos, antihipertensivos e remédios de controle para diabetes, colesterol, entre outros. Ao todo, existem mais de 107 itens oferecidos ao cidadão a baixo custo. Veja a lista de medicamentos.

As farmácias populares são implantadas por meio de uma parceria do Ministério da Saúde e da Fiocruz com estados, municípios e instituições filantrópicas. Os medicamentos são comprados por esses órgãos de laboratórios farmacêuticos oficiais públicos ou privados. Quando necessário, são adquiridos por meio de pregões.

O programa também estende-se para a rede privada de farmácias, com a criação de uma nova modalidade, o Aqui tem Farmácia Popular. O beneficiado pode comprar três tipos de medicamentos -- para diabetes, hipertensão e anticoncepcionais -- em farmácias conveniadas ao governo, pagando até 10% do valor do produto. O restante do valor fica a cargo do Estado brasileiro. 

Fonte:
Ministério da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Ministério recruta jovens para acompanhar políticas
Interessados na área de HIV e Aids podem se inscrever até o dia 8 de março, por meio do site: www.aids.gov.br
Terceira etapa do Mais Médicos oferece 85 vagas
Nova chamada será realizada nos dias 17 e 18 de março. O programa passará a contar em 2015 com 18 mil médicos
Selecionados no Mais Médicos devem se apresentar até dia 20
Mais de quatro mil médicos com registro no Brasil são aguardados para atuarem nas Unidades Básicas de Saúde
Interessados na área de HIV e Aids podem se inscrever até o dia 8 de março, por meio do site: www.aids.gov.br
Ministério recruta jovens para acompanhar políticas
Nova chamada será realizada nos dias 17 e 18 de março. O programa passará a contar em 2015 com 18 mil médicos
Terceira etapa do Mais Médicos oferece 85 vagas
Mais de quatro mil médicos com registro no Brasil são aguardados para atuarem nas Unidades Básicas de Saúde
Selecionados no Mais Médicos devem se apresentar até dia 20

Últimas imagens

Maioria dos médicos que se apresentou (1.896) optou pelo benefício da pontuação de 10% nas provas de residência médica
Maioria dos médicos que se apresentou (1.896) optou pelo benefício da pontuação de 10% nas provas de residência médica
Divulgação/Governo da Bahia
Por ser uma doença infecciosa, o diagnóstico torna-se ainda mais importante
Por ser uma doença infecciosa, o diagnóstico torna-se ainda mais importante
Divulgação/Governo de São Paulo
Agência já simplificou os trâmites necessários para a importação de produtos à base de canabidiol, por pessoa física e para uso próprio
Agência já simplificou os trâmites necessários para a importação de produtos à base de canabidiol, por pessoa física e para uso próprio
Divulgação/Anvisa
Pesquisa revela ainda  que os homens são os que mais usam produtos do tabaco
Pesquisa revela ainda que os homens são os que mais usam produtos do tabaco
Divulgação/ EBC
Fundamental para se prevenir do câncer de pele é se proteger do sol
Fundamental para se prevenir do câncer de pele é se proteger do sol

Governo digital