Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2009 > 11 > Brasileiros compram medicamentos a preço de custo nas farmácias populares

Saúde

Brasileiros compram medicamentos a preço de custo nas farmácias populares

Medicação a preço popular

O projeto Farmácia Popular foi criado para ampliar o acesso a medicamentos essenciais, como analgésicos, antihipertensivos e remédios de controle para diabetes, colesterol, entre outros
por Portal Brasil publicado: 31/10/2009 22h26 última modificação: 30/06/2014 16h00

Qualquer cidadão brasileiro pode comprar medicamentos a preço de custo nas farmácias populares. O projeto Farmácia Popular foi criado para ampliar o acesso dos brasileiros a medicamentos essenciais, como analgésicos, antihipertensivos e remédios de controle para diabetes, colesterol, entre outros. Ao todo, existem mais de 107 itens oferecidos ao cidadão a baixo custo. Veja a lista de medicamentos.

As farmácias populares são implantadas por meio de uma parceria do Ministério da Saúde e da Fiocruz com estados, municípios e instituições filantrópicas. Os medicamentos são comprados por esses órgãos de laboratórios farmacêuticos oficiais públicos ou privados. Quando necessário, são adquiridos por meio de pregões.

O programa também estende-se para a rede privada de farmácias, com a criação de uma nova modalidade, o Aqui tem Farmácia Popular. O beneficiado pode comprar três tipos de medicamentos -- para diabetes, hipertensão e anticoncepcionais -- em farmácias conveniadas ao governo, pagando até 10% do valor do produto. O restante do valor fica a cargo do Estado brasileiro. 

Fonte:
Ministério da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Usuários aprovam atendimento no SUS #2
Luana de Jesus Silva Ferreira, 22 anos, elogia o atendimento que recebe no Posto 7 próximo a sua casa. Além disso, ela conta como foi seu parto, realizada na Casa de Parto São Sebastião, referência no Distrito Federal. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Usuários aprovam atendimento no SUS #1
Jaqueline Barbosa, técnica de enfermagem do Posto de Saúde 12, no Distrito Federal, fala sobre a satisfação de atender a população. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Jaime Oliveira fala sobre Portal Click Saúde
Click Saúde orienta a população na compra de produtos de saúde em sites de comércio eletrônico
Luana de Jesus Silva Ferreira, 22 anos, elogia o atendimento que recebe no Posto 7 próximo a sua casa. Além disso, ela conta como foi seu parto, realizada na Casa de Parto São Sebastião, referência no Distrito Federal. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Usuários aprovam atendimento no SUS #2
Jaqueline Barbosa, técnica de enfermagem do Posto de Saúde 12, no Distrito Federal, fala sobre a satisfação de atender a população. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Usuários aprovam atendimento no SUS #1
Click Saúde orienta a população na compra de produtos de saúde em sites de comércio eletrônico
Jaime Oliveira fala sobre Portal Click Saúde

Últimas imagens

Insumos Farmacêuticos são químicos como fármacos, drogas ou matéria-prima que possuam propriedades farmacológicas
Insumos Farmacêuticos são químicos como fármacos, drogas ou matéria-prima que possuam propriedades farmacológicas
Ministério da Saúde
“Os repasses federais destinados ao Hospital São Paulo sempre estiveram, estão e continuarão regulares", disse o minstro Arthur Chioro
“Os repasses federais destinados ao Hospital São Paulo sempre estiveram, estão e continuarão regulares", disse o minstro Arthur Chioro
Erasmo Salomão - Ascom/MS
Fábrica produzirá aceleradores lineares para tratamento do câncer
Fábrica produzirá aceleradores lineares para tratamento do câncer
Alexandre Moreira / Gesp
Transplantes de células tronco pode ser feito entre parentes
Transplantes de células tronco pode ser feito entre parentes
Divulgação/Secretaria de Ciências de Amazonas
Pacientes precisam controlar os níveis de glicemia, com medicamentos e exercícios
Pacientes precisam controlar os níveis de glicemia, com medicamentos e exercícios
Marcos Santos / USP Imagens

Governo digital