Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2009 > 11 > Ligação para o Disque Saúde (136) é gratuita e funciona 24 horas

Saúde

Ligação para o Disque Saúde (136) é gratuita e funciona 24 horas

Atendimento ao cidadão

Serviço de apoio ao cidadão que procura o Sistema Único de Saúde (SUS) funciona de segunda a sexta-feira (exceto feriados), de 7 às 22h
por Portal Brasil publicado: 31/10/2009 22h30 última modificação: 30/06/2014 15h37
Shutterstock Disque Saúde é um canal de comunicação entre o cidadão e o Ministério da Saúde

Disque Saúde é um canal de comunicação entre o cidadão e o Ministério da Saúde

A Ouvidoria Geral do Sistema Único de Saúde (SUS), criada pela Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa (SGEP), é um canal democrático de comunicação entre a população e o Ministério da Saúde. Por meio dele, os usuários do SUS recebem informações sobre saúde e também podem fazer reclamações, denúncias, sugestões, elogios e solicitações.

Há ainda uma linha direta com a Central de Atendimento à Mulher (Disque 180) que oferece orientação de enfrentamento à violência contra a mulher.

É papel da Ouvidoria efetuar o encaminhamento, a orientação, o acompanhamento da demanda, e o retorno ao cidadão, com o objetivo de propiciar uma resposta adequada aos problemas apresentados, de acordo com os princípios e diretrizes do SUS.

A ligação para o Disque Saúde (136) é gratuita e o serviço funciona 24 horas. De segunda a sexta-feira (exceto feriados), de 7 às 22h, o usuário pode falar diretamente com um atendente. Fora desse horário e aos sábados, domingos e feriados, é possível utilizar o atendimento eletrônico, próprio para a divulgação de informações.

Atendimento aos usuários do SUS

Canais de entrada:

- Correios: SAF Sul, Quadra 2, Lote 5/6, Edifício Premium, Torre I, 3º andar, sala 305 - Brasília-DF CEP: 70.070-600.

- Atendimento presencial: em horário comercial, no endereço acima. 

- Internet: Portal da Saúde

- Telefone: 136 (Disque Saúde).

Fonte: 
Ministério da Saúde 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

banner_servico.jpg

Últimos vídeos

Usuários aprovam atendimento no SUS #2
Luana de Jesus Silva Ferreira, 22 anos, elogia o atendimento que recebe no Posto 7 próximo a sua casa. Além disso, ela conta como foi seu parto, realizada na Casa de Parto São Sebastião, referência no Distrito Federal. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Usuários aprovam atendimento no SUS #1
Jaqueline Barbosa, técnica de enfermagem do Posto de Saúde 12, no Distrito Federal, fala sobre a satisfação de atender a população. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Jaime Oliveira fala sobre Portal Click Saúde
Click Saúde orienta a população na compra de produtos de saúde em sites de comércio eletrônico
Luana de Jesus Silva Ferreira, 22 anos, elogia o atendimento que recebe no Posto 7 próximo a sua casa. Além disso, ela conta como foi seu parto, realizada na Casa de Parto São Sebastião, referência no Distrito Federal. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Usuários aprovam atendimento no SUS #2
Jaqueline Barbosa, técnica de enfermagem do Posto de Saúde 12, no Distrito Federal, fala sobre a satisfação de atender a população. Leia mais no Portal Brasil: http://goo.gl/e470ks
Usuários aprovam atendimento no SUS #1
Click Saúde orienta a população na compra de produtos de saúde em sites de comércio eletrônico
Jaime Oliveira fala sobre Portal Click Saúde

Últimas imagens

Número de acidentes de trânsito no Brasil - comparativo 2008 e 2013 - mortes - internações
Número de acidentes de trânsito no Brasil - comparativo 2008 e 2013 - mortes - internações
Em dez anos, frota de motos cresceu 247,1% e representa quase 50% do total de veículos no Norte e Nordeste
Em dez anos, frota de motos cresceu 247,1% e representa quase 50% do total de veículos no Norte e Nordeste
Mario Bittencourt/Agecom
Candidatos que validarem a participação já podem começar a trabalhar a partir de segunda-feira (3)
Candidatos que validarem a participação já podem começar a trabalhar a partir de segunda-feira (3)
Karina Zambrana / ASCOM-MS
Vacina contra HPV é disponibilizada gratuitamente pelo SUS para meninas de 9 a 11 anos
Vacina contra HPV é disponibilizada gratuitamente pelo SUS para meninas de 9 a 11 anos
Rodrigo Nunes/MS

Governo digital