Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2011 > 10 > Coração artificial recupera paciente do SUS

Saúde

Coração artificial recupera paciente do SUS

por Portal Brasil publicado: 11/10/2011 17h38 última modificação: 28/07/2014 12h50

O comerciante Sérgio Alexandre Genaro, 48 anos, foi o primeiro caso no Brasil em que um paciente recuperou as funções cardíacas depois de usar um coração artificial por dois meses. Sérgio sofria de insuficiência cardíaca grave, apenas 30% do coração estava funcionando, mas só descobriu o problema quando fez exames para uma cirurgia renal.

O chefe de cirurgia do Instituto Nacional de Cardiologia (INC) e cirurgião cardiovascular, Alexandre Siciliano, explica que foi feita uma operação de ponte de safena, mas o coração não suportou o trauma e precisou do implante do ventrículo artificial. "É um aparelho, disponível no INC, que fica fora do corpo por até seis meses, até que o paciente encontre um doador”, explica o médico. A boa notícia é que apenas com o implante do ventrículo artificialo coração de Sérgio Alexandre recuperou as funções e ele não vai precisar mais de um transplante.

Segundo a Secretaria de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde, casos como o de Sérgio apenas reforçam a importância das ações do Ministério da Saúde de inovar e qualificar o SUS. Esse tipo de inovação pode viabilizar o acesso à saúde com a qualidade que a população precisa. Ou seja, é uma agenda para viabilizar a inovação a serviço da população brasileira.

 

Coração recuperado

O uso do ventrículo artificial para recuperação de corações comprometidos pode ser uma boa alternativa de tratamento. No transplante, além dos riscos inerentes a realização de uma nova cirurgia após o implante de ventrículo artificial e da revascularização, os pacientes passam a depender de medicamentos contra a rejeição do órgão, os chamados imunosupressores. Mas o principal problema não está na cirurgia em si, e sim no tempo de espera. Sem o uso de ventrículos artificiais, o paciente fica sujeito ao aparecimento de um coração compatível, o que, para pessoas com insuficiência cardíaca grave, pode significar morrer na fila.

Além de tudo, o coração é um órgão de rápida deterioração. Nos EUA, corações artificiais externos são usados em 30% a 40% dos pacientes que esperam por um coração compatível e um pouco menos de 5 % destes pacientes têm o coração doente recuperado e passam a não precisar mais do transplante.

 

Fonte:
Ministério da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Fiocruz participa da Semana Nacional dos Museus com uma série de atividades
Museu da Vida da Fiocruz, no Rio de Janeiro, apresenta uma programação especial em homenagem à Semana Nacional dos Museus
Campanha do Ministério da Saúde incentiva a doação de leite materno
Ministério da Saúde lançou campanha para incentivar a doação de leite materno com slogan "Um pouquinho do que você doa, é tudo para quem precisa"
Governo decreta fim da Emergência Nacional para o vírus zika e microcefalia
Governo decretou fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional para o vírus zika e a microcefalia. Medida ocorre após queda na ocorrência dos casos do vírus no País.
Museu da Vida da Fiocruz, no Rio de Janeiro, apresenta uma programação especial em homenagem à Semana Nacional dos Museus
Fiocruz participa da Semana Nacional dos Museus com uma série de atividades
Ministério da Saúde lançou campanha para incentivar a doação de leite materno com slogan "Um pouquinho do que você doa, é tudo para quem precisa"
Campanha do Ministério da Saúde incentiva a doação de leite materno
Governo decretou fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional para o vírus zika e a microcefalia.  Medida ocorre após queda na ocorrência dos casos do vírus no País.
Governo decreta fim da Emergência Nacional para o vírus zika e microcefalia

Últimas imagens

Rótulos dos produtos divulgam falsas propriedades terapêuticas
Rótulos dos produtos divulgam falsas propriedades terapêuticas
Divulgação/EBC
Em 2016, os bancos de leite humano do País registraram mais de 300 atendimentos em grupos
Em 2016, os bancos de leite humano do País registraram mais de 300 atendimentos em grupos
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
Cannabis não foi reconhecida como planta medicinal pela Anvisa
Cannabis não foi reconhecida como planta medicinal pela Anvisa
Reprodução/TV Brasil
O Into é responsável por 72,3% das cirurgias de alta e média complexidade feitas na capital
O Into é responsável por 72,3% das cirurgias de alta e média complexidade feitas na capital
Divulgação/Ministério da Saúde

Governo digital