Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2011 > 10 > Produtos irregulares são suspensos pela Anvisa

Saúde

Produtos irregulares são suspensos pela Anvisa

por Portal Brasil publicado: 07/10/2011 17h13 última modificação: 28/07/2014 12h50

Nesta sexta-feira (7) a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou no Diário Oficial da União, a suspensão e interdição de alguns produtos e medicamentos irregulares.

A suspensão durará o tempo necessário para a regularização dos produtos junto agência e tem validade imediata. As pessoas que já tiverem adquirido algum produto dos lotes suspensos devem interromper o uso. Já a interdição cautelar vale pelo período de 90. Durante esse tempo o produto interditado não deve ser consumido e nem comercializado.

O medicamento Ocinoflox 400mg (Norfloxacino) do laboratótio Hipolabor farmacêutica ltda, está suspenso por 90 dias.

O shampoo Jaborandi tok Bothânico,  da Ind. Com. Imp. Exp. de cosméticos Brazil Bothânico Ltda, também está suspenso por 90 dias.

Todos os cosméticos fabricados por Agromed, do laboratório Fitocosméticos ltda, está suspenso por não possuir registro perante a Anvisa.


 A lista completa pode ser acessada na página eletrônica.

 

Fonte:
Anvisa

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Ministério da Saúde garante que não faltará vacina de febre amarela
A pasta atualizou os dados sobre os casos de febre amarela registrados no País e garantiu que não vai faltar vacina para imunização
Secretária fala sobre aborto e tratamento das mulheres nos hospitais públicos
Fátima Pelaes detalha ações do governo para o tratamento das mulheres em hospitais públicos e planejamento familiar
Entenda o que é a dose fracionada da vacina contra febre amarela
População de municípios de São Paulo, Rio e Bahia vai receber a dose fracionada da vacina, por decisão do Ministério da Saúde
A pasta atualizou os dados sobre os casos de febre amarela registrados no País e garantiu que não vai faltar vacina para imunização
Ministério da Saúde garante que não faltará vacina de febre amarela
Fátima Pelaes detalha ações do governo para o tratamento das mulheres em hospitais públicos e planejamento familiar
Secretária fala sobre aborto e tratamento das mulheres nos hospitais públicos
População de municípios de São Paulo, Rio e Bahia vai receber a dose fracionada da vacina, por decisão do Ministério da Saúde
Entenda o que é a dose fracionada da vacina contra febre amarela

Últimas imagens

Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Arquivo/EBC

Governo digital