Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2011 > 12 > Município de Pernambuco conta com novo hospital

Saúde

Município de Pernambuco conta com novo hospital

por Portal Brasil publicado: 13/12/2011 15h47 última modificação: 28/07/2014 12h48

Os moradores de Palmares (PE) voltaram a contar com atendimento hospitalar na própria cidade. O Ministério da Saúde e o governo de Pernambuco entregaram, no último sábado (10), o Hospital Regional Sílvio Magalhães, com capacidade para atender até 50 pacientes ao dia pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O Ministério da Saúde investiu R$ 20 milhões na unidade, sendo que o custo total da obra soma R$ 47 milhões. A nova unidade irá substituir o antigo hospital que atendia à região e cujas instalações foram destruídas por enchente, em 2010.

O chefe de gabinete, Mozart Sales representou o Ministério da Saúde durante a solenidade. Mozart destacou a parceria com os gestores estaduais e a agilidade na construção da nova unidade. “O governo de Pernambuco está dando uma lição na saúde para todo o País. A unidade de Palmares não deixa a dever a nenhum equipamento da capital pernambucana ou de qualquer parte do Brasil”, declarou o chefe de gabinete.

Estrutura

Além dos investimentos para a construção do hospital, o Ministério da Saúde irá repassar anualmente R$ 18 milhões para custear os atendimentos. A unidade entregue à população tem 12 mil metros de área total construída, o dobro da antiga unidade.

O Hospital Regional Sílvio Magalhães oferece maternidade, centro cirúrgico, emergência obstétrica e as enfermarias de adultos, pediátrica e de clínica cirúrgica, além de uma central de esterilização de materiais. Será também a primeira urgência odontológica 24h fora da região metropolitana. O novo hospital de Palmares terá a capacidade de realizar 65.047 atendimentos de urgência e emergência, 23.390 consultas ambulatoriais e 7.133 internações. Até fevereiro, a unidade implantará os serviços de emergência 24 horas.

 

Fonte:
Ministério da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Outubro Rosa conta com ações de conscientização em todo o país
Outubro Rosa conta com ações de conscientização na Rodoviária do Plano Piloto em Brasília. O objetivo é alertar as mulheres da importância do diagnóstico precoce
Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Outubro Rosa conta com ações de conscientização na Rodoviária do Plano Piloto em Brasília. O objetivo é alertar as mulheres da importância do diagnóstico precoce
Outubro Rosa conta com ações de conscientização em todo o país
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões

Últimas imagens

Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Foto: Karina Zambrana/Ministério da Saúde
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
Arquivo/Ministério da Saúde
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Governo digital