Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 01 > Pais devem incentivar filhos a comer alimentos saudáveis durante férias escolares

Saúde

Pais devem incentivar filhos a comer alimentos saudáveis durante férias escolares

por Portal Brasil publicado: 11/01/2012 18h54 última modificação: 29/07/2014 09h10

O Ministério da Saúde recomenda que pais incentivem filhos a se alimentarem com frutas frescas, água, suco natural e comidas saudáveis e variadas para evitar consumirem guloseimas durante o período de férias escolares. Maus hábitos alimentares podem levar à obesidade infantil.

No período das férias escolares é necessário estar atento à alimentação das crianças. "Este é o momento ideal para a família e amigos reforçarem a prática da alimentação saudável ou aproveitar o tempo livre para rever hábitos alimentares", destaca a coordenadora-geral de Alimentação e Nutrição do Ministério da Saúde, Patrícia Jaime.

Os alimentos semi-prontos ou considerados "ultra-processados", como por exemplo, biscoitos, salgadinhos e refrigerantes, muito apreciados pelo público infantil, geralmente são bastante consumidos nesta época do ano. Mas, o excesso destes alimentos ricos em açúcares, sal e gorduras trans e saturadas podem levar à obesidade e ao diabetes tipo 2 ainda na infância, como alerta Patrícia Jaime. "É sempre importante que os pais estimulem a prática de exercícios físicos e uma alimentação saudável entre os filhos. Nas férias, a dica é ter sempre em casa frutas frescas, água e suco natural em locais de fácil acesso às crianças como forma de se evitar ou substituir as guloseimas", aconselha.

A fim de tornar os momentos de refeição mais atrativos, prazerosos e pedagógicos, a sugestão da coordenadora do Ministério da Saúde é oferecer às crianças comidas variadas e coloridas, contemplando todos os grupos de alimentos, como cereais, legumes, frutas, laticínios, carnes. "Que devem ser bem distribuídos ao longo do dia", acrescenta Patrícia Jaime.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a obesidade entre crianças e adolescentes apresenta índices crescentes a cada ano. De acordo com o estudo, uma em cada três crianças com idade entre 5 e 9 anos estão com peso acima do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde.

 

Fonte:
Ministério da Saúde

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Outubro Rosa conta com ações de conscientização em todo o país
Outubro Rosa conta com ações de conscientização na Rodoviária do Plano Piloto em Brasília. O objetivo é alertar as mulheres da importância do diagnóstico precoce
Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Outubro Rosa conta com ações de conscientização na Rodoviária do Plano Piloto em Brasília. O objetivo é alertar as mulheres da importância do diagnóstico precoce
Outubro Rosa conta com ações de conscientização em todo o país
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões

Últimas imagens

A Sexta-feira Sem Mosquito vai contar com colaboração de toda a sociedade, com mobilização nas escolas públicas
A Sexta-feira Sem Mosquito vai contar com colaboração de toda a sociedade, com mobilização nas escolas públicas
Foto: Tony Winston/Agência Brasília
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Foto: Karina Zambrana/Ministério da Saúde
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
Arquivo/Ministério da Saúde

Governo digital