Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 01 > Vacinação contra raiva animal será retomada este ano, diz Ministério da Saúde

Saúde

Vacinação contra raiva animal será retomada este ano, diz Ministério da Saúde

por Portal Brasil publicado: 17/01/2012 18h06 última modificação: 29/07/2014 09h10

Depois do registro da morte de um gato com o vírus da raiva, em dezembro do ano passado em, São Paulo, a vacinação contra a doença será retomada em todo o País este ano. Ela estava suspensa desde 2010, pois causou efeitos adversos em alguns animais, levando até à morte.

São Paulo não notificava contaminações pela doença desde 1997. No ano passado, a maioria dos estados não realizou a imunização, porque não foi certificada a segurança da vacina. Segundo o Ministério da Saúde, São Paulo recebeu em janeiro doses para a realização de campanha e já realizou a chamada vacinação de bloqueio em cães e gatos.

Segundo a médica veterinária Amélia Margarido, da Associação Humanitária de Proteção e Bem-Estar Animal (Arca Brasil), o ideal é vacinar os animais ao menos uma vez ano. É fundamental também ter cuidado com mordidas de morcegos, principal transmissor do vírus.

“A vacinação anual contra a raiva em cachorros e gatos é o primeiro passo para evitar a doença. É preciso anotar a data para não se esquecer da revacinação anual”, destaca. “Caso encontre um morcego, o ideal é não chegar perto e avisar a vigilância sanitária”, disse.

A transmissão se dá pelo contato com a saliva do animal infectado, principalmente por mordidas, arranhões e lambidas de mucosas. O período de incubação é em média de 45 dias para o homem e de dez dias a 2 meses para cães. Em crianças, o tempo é menor

“Qualquer pessoa que tenha sido atacada por um animal, mesmo sem saber se [ele] está vacinado, deve procurar atendimento médico imediatamente para avaliação e tratamento”, alerta a veterinária..

 

Fonte:
Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País

Últimas imagens

Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Arquivo/EBC
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Arquivo/EBC
Soro
Divulgação/Prefeitura de Campo Verde (MT)

Governo digital