Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 02 > Anvisa discute cooperação com agências reguladoras internacionais

Saúde

Anvisa discute cooperação com agências reguladoras internacionais

por Portal Brasil publicado: 01/02/2012 14h12 última modificação: 29/07/2014 09h08

O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Dirceu Barbano, participa nesta quarta (1º) e quinta-feira (2) de reunião de autoridades reguladoras de referência regional em Washington (EUA), com representantes da Argentina, Colômbia e Cuba.

A reunião ocorre na sede da Organização Pan-americana de Saúde (Opas) e tem como objetivo avaliar os resultados da Cooperação Técnica do Projeto de Medicamentos e Tecnologias Sanitárias e discutir as ações para o 2012 e 2013. Na quinta-feira, os participantes estarão em reunião com a diretora da Opas, Mirta Roses Periago, para discutir as estratégias de aquisição de insumos do Fundo Rotatório e a Plataforma Regional de Inovação e Acesso a Tecnologias de Saúde. O último compromisso do grupo é discutir a construção de um Plano de Cooperação para fortalecer as capacidades reguladoras nacionais para medicamentos e produtos biológicos.

Cuba e Haiti

Delegação do Brasil esteve em Cuba, na última terça-feira (31), onde assinou acordos bilaterais que envolvem 38 projetos na área de saúde, 12 deles prioritários. Esses projetos referem-se, principalmente, à terapia e ao diagnóstico de diferentes tipos de câncer, tratamento de diabetes e produção de vacinas preventivas e terapêuticas.

Os ministérios da Saúde do Brasil e de Cuba atuam em ações conjuntas na reconstrução do setor no Haiti, que recebe visita da presidenta Dilma Rousseff nesta quarta-feira (1º). Desde 2004, por mandato da Organização das Nações Unidas (ONU), o Brasil chefia a Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (Minustah). Além de manutenção da paz, exerce ajuda humanitária, ampliada depois do terremoto de janeiro de 2010.

Dos R$ 135 milhões garantidos em lei para repasse do governo brasileiro ao Haiti, R$ 69,9 milhões foram executados em 2011 em ações de saúde, agricultura e defesa. Entre as ações coordenadas pelo governo brasileiro estão a recuperação de dois laboratórios e a construção de quatro unidades de saúde; concessão de bolsas para capacitação de 2 mil agentes comunitários e 500 técnicos em saúde e aquisição de equipamentos e insumos de saúde, como a entrega de tratamentos para o cólera e de 30 ambulâncias em 2011.

 

Fonte:
Anvisa

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País

Últimas imagens

Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Arquivo/EBC
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Arquivo/EBC
Soro
Divulgação/Prefeitura de Campo Verde (MT)

Governo digital