Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 03 > Anvisa pode ultrapassar prazo de 90 dias para registro de equipamentos médicos

Saúde

Anvisa pode ultrapassar prazo de 90 dias para registro de equipamentos médicos

por Portal Brasil publicado: 14/03/2012 11h06 última modificação: 29/07/2014 09h07

A Advocacia-Geral da União (AGU) demonstrou, na Justiça, que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pode ultrapassar o período de 90 dias para liberação de registro a equipamentos médicos, dependendo da complexidade da análise a ser realizada. Esse prazo limite está previsto na lei 6.360/76.

No caso, uma empresa de importação e exportação pretendia obrigar a autarquia a conceder imediata liberação para três produtos. A empresa alegava que havia pedido os registros há 150 dias.

No entanto, a Procuradoria Regional Federal da 1ª Região (PRF1) e a Procuradoria Federal junto à Anvisa (PF/Anvisa) ressaltaram que a agência reguladora é obrigada a observar a ordem cronológica das solicitações formuladas, em respeito à garantia constitucional da isonomia. Defenderam que a demora é legítima, pois na avaliação dos processos de registro existe a necessidade de análise criteriosa de grande volume de documentos.

Quanto ao prazo fixado pela lei, de 90 dias, os procuradores federais ressaltaram que a norma foi editada há mais de trinta anos e "não mais se adapta à realidade dos produtos farmacêuticos presentes no mercado atual, desde medicamentos, utensílios para saúde, saneantes, cosméticos e alimentos".

Enfatizaram que a jurisprudência dos tribunais do País já está pacificada e leva em consideração o tempo gasto pela Anvisa em apurações detidas, a fim de preservar o interesse público da manutenção da saúde e segurança dos equipamentos relativos à ela. 

A 6ª Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal acolheu os argumentos da AGU e negou o pedido e reconheceu que não houve omissão na análise dos pedidos da empresa.

 

Fonte:
Advocacia-Geral da União

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
O Ministério da Saúde está trabalhando para diminuir a espera por cirurgias eletivas, aquelas que não são emergências
Mutirão já realizou mais de 33 mil cirurgias no país
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País

Últimas imagens

Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Arquivo/EBC
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Arquivo/EBC
Soro
Divulgação/Prefeitura de Campo Verde (MT)

Governo digital