Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 03 > Anvisa recebeu 1.200 pedidos de registros de produtos de limpeza em 2011

Saúde

Anvisa recebeu 1.200 pedidos de registros de produtos de limpeza em 2011

por Portal Brasil publicado: 15/03/2012 18h42 última modificação: 29/07/2014 09h07

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu, em 2011, 1.200 pedidos de registro de produtos saneantes e mais de 7 mil notificações de comercialização de produtos de baixo risco. Os dados foram apresentados na abertura da reunião da Câmara Técnica de Saneantes, nesta quinta-feira (15), em Brasília (DF).

Saneantes são produtos que facilitam a limpeza e a conservação de ambientes, como alvejantes, desinfetantes, detergentes e raticidas, por exemplo.

O levantamento apresentado pela Anvisa apontou, ainda, que a agência recebeu, no ano passado, 1.636 pedidos de informação e 89 denúncias sobre produtos saneantes. O Sistema de Notificações da Anvisa (Notivisa) e o da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) - Sinitox - registraram, no mesmo período,  711 casos de eventos adversos relacionados a esses produtos – 62% envolviam inseticidas e raticidas.  Como resultado, 22 saneantes tiveram o comércio suspenso pela Anvisa em 2011.

A câmara técnica reúne, além de técnicos da Anvisa, especialistas de laboratórios públicos, vigilâncias sanitárias locais e pesquisadores de todo o País. Segundo a gerente de saneantes da Anvisa, Mary Anne Fontenele, o grupo tem se reunido a cada quatro meses. “Felizmente temos conseguido manter uma regularidade dos encontros”, afirmou.

Os participantes discutem aspectos técnicos relativos à regulação de saneantes. Na pauta deste primeiro encontro de 2012 estão, entre outros, temas como parâmetros para registro de produtos em forma de gel e critérios para empresas que desejam utilizar a expressão “produto biodegradável” no rótulo.

 

Fonte:
Anvisa

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Governo assume metas para conter crescimento da obesidade no País
Entre as medidas estão a redução do consumo de sucos artificiais e refrigerantes em, pelo menos, 30% e incentivar o consumo frutas e hortaliças regularmente
Cooperação incentivará vacinação nas escolas
Parceria entre os Ministérios da Saúde e da Educação visa incentivar vacinação nas escolas. Material informativo sobre HPV e Meningite C será distribuído nas unidades escolares
Ligações para Centro de Valorização da Vida serão gratuitas em todo o País
Acordo entre Ministério da Saúde e o centro permitirá que a organização faça atendimentos gratuitos por meio de um número único para todo o País
Entre as medidas estão a redução do consumo de sucos artificiais e refrigerantes em, pelo menos, 30% e incentivar o consumo frutas e hortaliças regularmente
Governo assume metas para conter crescimento da obesidade no País
Parceria entre os Ministérios da Saúde e da Educação visa incentivar vacinação nas escolas. Material informativo sobre HPV e Meningite C será distribuído nas unidades escolares
Cooperação incentivará vacinação nas escolas
Acordo entre Ministério da Saúde e o centro permitirá que a organização faça atendimentos gratuitos por meio de um número único para todo o País
Ligações para Centro de Valorização da Vida serão gratuitas em todo o País

Últimas imagens

Substâncias anabolizantes, abortivas ou que causam má-formação fetal também são enquadradas na lista
Substâncias anabolizantes, abortivas ou que causam má-formação fetal também são enquadradas na lista
Divulgação/EBC
Brasil atingiu Metas dos Objetivos do Milênio de combate à tuberculose com três anos de antecedência
Brasil atingiu Metas dos Objetivos do Milênio de combate à tuberculose com três anos de antecedência
Divulgação/Ministério da Saúde
Substância misoprostol faz parte da lista de substâncias sujeitas a controle especial da Anvisa
Substância misoprostol faz parte da lista de substâncias sujeitas a controle especial da Anvisa
Divulgação/Ministério da Saúde
Devido ao surto de febre amarela em alguns estados brasileiros, registro de vacinação contra a febre amarela passou a ser exigido dos viajantes
Devido ao surto de febre amarela em alguns estados brasileiros, registro de vacinação contra a febre amarela passou a ser exigido dos viajantes
Arquivo/Anvisa
Os alimentos da marca são comercializados pela internet por fabricante desconhecido
Os alimentos da marca são comercializados pela internet por fabricante desconhecido
Divulgação/Governo do Paraná

Governo digital