Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 04 > Bahia se prepara para integrar o programa Crack, é possível vencer

Saúde

Bahia se prepara para integrar o programa Crack, é possível vencer

por Portal Brasil publicado: 27/04/2012 12h06 última modificação: 29/07/2014 09h06

Técnicos do governo federal reuniram-se em Salvador, na quinta-feira (26), com as equipes da prefeitura e do governo do estado para discutir sobre as ações que vão integrar o programa federal Crack, É Possível Vencer.

Cursos de prevenção do uso de drogas para educadores atinge toda a comunidade escolar.

A reunião continua nesta sexta-feira (27) e contará com a presença do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e do governador do estado, Jacques Wagner. O encontro é fechado para a imprensa, mas haverá momento para registro de imagens e declaração do ministro.

Participam técnicos dos ministérios da Justiça, da Saúde, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, da Secretaria de Direitos Humanos e da Casa Civil, que  debaterão com as equipes do governo baiano e da prefeitura da capital as necessidades para a implantação do programa, que segue três eixos: prevenção, cuidado (tratamento) e autoridade (enfrentamento ao tráfico de drogas).

Lançado em dezembro passado pela presidenta Dilma Rousseff, o programa Crack, É Possível Vencer prevê o montante de R$ 4 bilhões em recursos federais, até 2014, para ações nos estados e municípios que assinarem o pacto de cooperação.

Já participam oficialmente do programa os estados de Pernambuco, Alagoas, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro, e suas respectivas capitais.

 

Fonte:
Ministério da Justiça

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento

Últimas imagens

Para essa faixa etária orientação é esquema com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses
Para essa faixa etária orientação é esquema com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses
Foto: Rodrigo Nunes/MS
Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Arquivo/Ministério da Saúde
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Olival Santos/Governo de Alagoas
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Divulgação/Prefeitura de Itanhaém (SP)

Governo digital