Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 04 > Banco Mundial investe na redução de desigualdades estaduais nos sistemas jurídicos

Saúde

Banco Mundial investe na redução de desigualdades estaduais nos sistemas jurídicos

por Portal Brasil publicado: 18/04/2012 14h25 última modificação: 29/07/2014 09h06

O Banco Mundial (Bird) repassou, em acordo de doação, US$ 450 mil para o Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O dinheiro será investido em projetos pilotos voltados para a identificação das causas das desigualdades entre os sistemas judiciários estaduais e serão desenvolvidos em estados que estejam em situação crítica. Serão escolhidos entre três e cinco estados para receberem os fundos.

Para a coordenadora do Bird, Deborah Wetzel, os estudos sobre as causas das desigualdades possibilitarão a promoção de uma Justiça mais acessível aos pobres. De acordo com avaliações feitas pelo CNJ, nos estados onde a pobreza é grande, os judiciários apresentam fraquezas institucionais que contribuem para aumento da desigualdade social.

A iniciativa é o primeiro projeto operacional do Banco Mundial com o judiciário federal brasileiro. O objetivo é o de tornar o Judiciário mais eficiente, transparente e atuante. Segundo o presidente do Supremo Tribunal Federal, Cezar Peluso, a experiência permitirá, futuramente, que os próprios tribunais relatem os principais problemas.

 

Fonte:
Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Fiocruz participa da Semana Nacional dos Museus com uma série de atividades
Museu da Vida da Fiocruz, no Rio de Janeiro, apresenta uma programação especial em homenagem à Semana Nacional dos Museus
Campanha do Ministério da Saúde incentiva a doação de leite materno
Ministério da Saúde lançou campanha para incentivar a doação de leite materno com slogan "Um pouquinho do que você doa, é tudo para quem precisa"
Governo decreta fim da Emergência Nacional para o vírus zika e microcefalia
Governo decretou fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional para o vírus zika e a microcefalia. Medida ocorre após queda na ocorrência dos casos do vírus no País.
Museu da Vida da Fiocruz, no Rio de Janeiro, apresenta uma programação especial em homenagem à Semana Nacional dos Museus
Fiocruz participa da Semana Nacional dos Museus com uma série de atividades
Ministério da Saúde lançou campanha para incentivar a doação de leite materno com slogan "Um pouquinho do que você doa, é tudo para quem precisa"
Campanha do Ministério da Saúde incentiva a doação de leite materno
Governo decretou fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional para o vírus zika e a microcefalia.  Medida ocorre após queda na ocorrência dos casos do vírus no País.
Governo decreta fim da Emergência Nacional para o vírus zika e microcefalia

Últimas imagens

O laboratório público Bio-Manguinhos/Fiocruz produz cerca de 6 milhões de doses mensais da vacina
O laboratório público Bio-Manguinhos/Fiocruz produz cerca de 6 milhões de doses mensais da vacina
Divulgação/Ministério da Saúde
Percentual de adultos que consomem frutas e hortaliças regularmente deve aumentar em no mínimo 17,8%
Percentual de adultos que consomem frutas e hortaliças regularmente deve aumentar em no mínimo 17,8%
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
Índice de reajuste pode ser aplicado somente a partir da data de aniversário de cada contrato
Índice de reajuste pode ser aplicado somente a partir da data de aniversário de cada contrato
Arquivo/Agência Brasil
Produtos da Cosmed também são fabricados pela Brainfarma, responsável pela linha de produção
Produtos da Cosmed também são fabricados pela Brainfarma, responsável pela linha de produção
Divulgação/Ministério da Saúde
Desde o dia 17 de abril, a vacina contra a gripe está disponível nos postos
Desde o dia 17 de abril, a vacina contra a gripe está disponível nos postos
Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde

Governo digital