Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 04 > Banco Mundial investe na redução de desigualdades estaduais nos sistemas jurídicos

Saúde

Banco Mundial investe na redução de desigualdades estaduais nos sistemas jurídicos

por Portal Brasil publicado: 18/04/2012 14h25 última modificação: 29/07/2014 09h06

O Banco Mundial (Bird) repassou, em acordo de doação, US$ 450 mil para o Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O dinheiro será investido em projetos pilotos voltados para a identificação das causas das desigualdades entre os sistemas judiciários estaduais e serão desenvolvidos em estados que estejam em situação crítica. Serão escolhidos entre três e cinco estados para receberem os fundos.

Para a coordenadora do Bird, Deborah Wetzel, os estudos sobre as causas das desigualdades possibilitarão a promoção de uma Justiça mais acessível aos pobres. De acordo com avaliações feitas pelo CNJ, nos estados onde a pobreza é grande, os judiciários apresentam fraquezas institucionais que contribuem para aumento da desigualdade social.

A iniciativa é o primeiro projeto operacional do Banco Mundial com o judiciário federal brasileiro. O objetivo é o de tornar o Judiciário mais eficiente, transparente e atuante. Segundo o presidente do Supremo Tribunal Federal, Cezar Peluso, a experiência permitirá, futuramente, que os próprios tribunais relatem os principais problemas.

 

Fonte:
Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento

Últimas imagens

Para essa faixa etária orientação é esquema com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses
Para essa faixa etária orientação é esquema com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses
Foto: Rodrigo Nunes/MS
Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Arquivo/Ministério da Saúde
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Olival Santos/Governo de Alagoas
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Divulgação/Prefeitura de Itanhaém (SP)

Governo digital