Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 04 > PF e Anvisa fazem operação em oito estados contra comércio ilegal de botox

Saúde

PF e Anvisa fazem operação em oito estados contra comércio ilegal de botox

por Portal Brasil publicado: 03/04/2012 20h27 última modificação: 29/07/2014 09h06

A Polícia Federal (PF) realizou nesta terça-feira (3), em conjunto com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), operação de combate à comercialização ilegal de toxina botulínica (botox). Estão sendo cumpridos 23 mandados judiciais contra empresas distribuidoras em oito estados: São Paulo, Pernambuco, Minas Gerais, Paraíba, Alagoas,  Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

As investigações da Operação Narke, iniciadas há nove meses, apuraram que o produto entra de maneira clandestina no País e é vendido para médicos de diversas cidades. A circulação ilegal ocorre há pelo menos cinco anos.

A toxina botulínica, além da aplicação estética, é utilizada de forma terapêutica, inclusive para tratamento de disfunções neurológicas e motoras. No mercado ilícito, a toxina é vendida por preços que variam entre R$ 350 e 400 a unidade, enquanto o exemplar autorizado pode chegar a R$1.000 cada.

Os envolvidos responderão por crimes contra a saúde pública, considerados hediondos, contrabando e formação de quadrilha. As penas máximas são de 15, três e quatro anos de reclusão, respectivamente.

Fonte:
Agência Brasil

 


Saiba mais sobre as ações da Anvisa

Conheça a ação de outras agências reguladoras do País

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Neste ano o Ministério da Saúde pretende ampliar esses serviços a partir de mudanças que estão sendo formuladas
Mais de 196 milhões de consultas foram realizadas nas unidades básicas de saúde em 2016
Ministro da Saúde apresenta balanço da economia feita desde que assumiu a pasta
Prontuário eletrônico dos pacientes do SUS deve ser implantado em todo país até final de 2018
Atualmente, cerca de 10 milhões de pessoas são beneficiadas por mês com a iniciativa
Farmácia Popular vai receber mais R$ 80 milhões por ano para a compra de medicamento

Últimas imagens

Para essa faixa etária orientação é esquema com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses
Para essa faixa etária orientação é esquema com três doses, com intervalo de zero, dois e seis meses
Foto: Rodrigo Nunes/MS
Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Medida foi possível após realocação dos R$ 100 milhões destinados à Rede Própria do Farmácia Popular
Arquivo/Ministério da Saúde
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Homens têm mais diabetes, colesterol elevado, obesidade e pressão alta
Olival Santos/Governo de Alagoas
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Programa ainda conscientiza os pais sobre a importância da participação no acompanhamento da gravidez
Divulgação/Prefeitura de Itanhaém (SP)

Governo digital