Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 05 > Anvisa abre consulta pública sobre aromatizantes e outros excipientes farmacêuticos

Saúde

Anvisa abre consulta pública sobre aromatizantes e outros excipientes farmacêuticos

por Portal Brasil publicado: 28/05/2012 17h13 última modificação: 29/07/2014 09h05

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) quer estabelecer requisitos de qualidade para os insumos farmacêuticos não ativos, os excipientes farmacêuticos. Essas substâncias, como diluentes, aromatizantes e antioxidantes, são utilizadas durante o processo de fabricação dos medicamentos e ainda não possuem uma norma sanitária específica.

A proposta da agência será submetida à consulta pública durante 60 dias a partir do dia 4 de junho. Pela primeira vez, as contribuições poderão ser encaminhadas diretamente por sistema eletrônico.

A Consulta Pública nº 31 foi publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (28), que estabeleceu um prazo de sete dias para início do envio de contribuições à Anvisa. Com o sistema eletrônico, as manifestações são enviadas imediatamente para a área responsável da agência e podem ser visualizadas por todos os interessados. A ferramenta também permite identificar os itens da proposta que mais recebem sugestões e os setores da sociedade que participam.

Para trazer mais facilidade e comodidade ao usuário, o sistema possibilita, ainda, que o participante preencha o formulário gradualmente, durante todo o período da consulta, e envie suas considerações apenas quando achar necessário. Caso o contribuinte identifique a necessidade de rever um formulário já enviado, o sistema permite alterar as contribuições encaminhadas anteriormente, desde que o prazo de participação ainda esteja aberto.

O sistema eletrônico escolhido para a consulta pública foi o FormSUS, que é  desenvolvido e administrado pelo Ministério da Saúde. Outros sistemas estão sendo identificados pela Anvisa e, em breve, serão testados em novas consultas públicas.

Participação

As contribuições devem ser realizadas, a partir da próxima segunda-feira (4), por meio do endereço 

Em caso de indisponibilidade do sistema ou limitação de acesso do cidadão à internet, será permitido o envio e recebimento de sugestões por escrito, em meio físico, para o endereço: Agência Nacional de Vigilância Sanitária/Coordenação de Insumos Farmacêuticos – SIA trecho 5, Área Especial 57, Brasília-DF, CEP 71.205-050.

A Anvisa não aceitará contribuições enviadas por e-mail.

 

Fonte:
Anvisa 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Anvisa propõe novo marco regulatório para os suplementos alimentares
Agência Nacional de Vigilância Sanitária propõe novo marco regulatório para garantir a segurança do consumidor
ANS anuncia novos procedimentos que planos de saúde deverão cobrir
Agência Nacional de Saúde inclui novo conjunto de exames, terapias e procedimentos ao ROL mínimo dos planos de saúde
Governo pretende imunizar 2,8 milhões contra a febre amarela em SP
Até o momento, nenhuma pessoa morreu por causa da doença no estado. Um dose da vacina é suficiente para proteger quem toma por toda a vida
Agência Nacional de Vigilância Sanitária propõe novo marco regulatório para garantir a segurança do consumidor
Anvisa propõe novo marco regulatório para os suplementos alimentares
Agência Nacional de Saúde inclui novo conjunto de exames, terapias e procedimentos ao ROL mínimo dos planos de saúde
ANS anuncia novos procedimentos que planos de saúde deverão cobrir
Até o momento, nenhuma pessoa morreu por causa da doença no estado. Um dose da vacina é suficiente para proteger quem toma por toda a vida
Governo pretende imunizar 2,8 milhões contra a febre amarela em SP

Últimas imagens

Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Redução é acompanhada do aumento das inciativas do Ministério da Saúde para intensificar os trabalhos de combate ao mosquito Aedes aegypti
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Kits contêm 30 tipos de medicamentos e 18 tipos de insumos
Arquivo/EBC
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Candidatos poderão escolher até quatro cidades de preferência e concorrer às vagas
Arquivo/EBC

Governo digital