Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 05 > CGU aponta prejuízo de R$ 96,5 milhões em repasses para hospitais federais no Rio de Janeiro

Saúde

CGU aponta prejuízo de R$ 96,5 milhões em repasses para hospitais federais no Rio de Janeiro

por Portal Brasil publicado: 10/05/2012 19h32 última modificação: 29/07/2014 09h05

O relatório final da auditoria realizada pela Controladoria-Geral da União (CGU) nos hospitais federais no Rio de Janeiro, concluído nesta quinta-feira (10), estima possível prejuízo de R$ 96,5 milhões no repasse de R$ 888 milhões feitos pelo Ministério da Saúde entre janeiro de 2009 e abril de 2011.

Foram analisados os pagamentos efetuados pelos seis hospitais federais no Rio: Hospital Federal de Ipanema, da Lagoa, de Andaraí, Cardoso Fontes, dos Servidores do Estado e de Bonsucesso.

Os itens de despesas analisados, no valor total de R$ 888 milhões, abrangiam as seguintes áreas: custeio de serviços continuados, como alimentação, lavanderia, limpeza, vigilância, e apoio administrativo; aquisição de medicamentos e insumos; locação de equipamentos hospitalares; obras e reformas prediais.

A maior parte dos prejuízos refere-se a pagamentos para locação de equipamentos hospitalares (R$ 35,2 milhões), seguidos das obras e reformas prediais (R$ 27,9 milhões); dos serviços continuados (R$ 20,6 milhões); e da aquisição de medicamentos e insumos médico-hospitalares (R$ 12,6 milhões).

Do total de prejuízo estimado, alguns casos ainda são possíveis de evitar a perda. São exemplos: equipamentos e medicamentos adquiridos e não localizados até o final da auditoria; pagamentos antecipados, que podem ser compensados, e sobrepreço pretendido pelo fornecedor ou prestador do serviço, mas ainda não pago.

Dos casos de prejuízo efeito, a CGU detectou superfaturamento na aquisição de bens; pagamento por serviços não prestados; perda de medicamentos por expiração do prazo de validade, e locação de equipamento a custos superiores ao de aquisição.

A auditoria foi iniciada em abril do ano passado e feita por solicitação do Ministério da Saúde, a partir de levantamentos de preços conduzidos pela própria pasta. O trabalho teve o apoio do Departamento Nacional de Auditoria do Sistema Único de Saúde (Denasus). A íntegra do relatório de auditoria estará disponível nesta sexta-feira (11/05) no site da CGU. Confira as irregularidades detectadas em cada hospital aqui

Providências

Além de realizar 32 novas licitações para substituir contratos em andamento nos hospitais federais do Rio, o Ministério da Saúde informou que vai fortalecer o setor de engenharia, a fim de aprimorar a elaboração dos projetos para obras e reformas prediais.

O ministério informou, ainda, que decidiu centralizar as compras de bens e serviços para todos os hospitais federais no seu Departamento de Logística, em Brasília, o que já gerou economia global de R$ 40,4 milhões em 2011, graças à redução nos valores individuais dos produtos em até 20%. A pasta vai comprar equipamentos por meio de licitação, em vez de alugá-los, gerando economia anual estimada de R$ 60 milhões; e fazer auditorias mensais dos contratos de serviços continuados nos seis hospitais.

As irregularidades constatadas também foram levadas ao conhecimento dos órgãos competentes para as medidas de ressarcimento aos cofres públicos e punição dos responsáveis, conforme o caso.

Fonte:
CGU

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Outubro Rosa conta com ações de conscientização em todo o país
Outubro Rosa conta com ações de conscientização na Rodoviária do Plano Piloto em Brasília. O objetivo é alertar as mulheres da importância do diagnóstico precoce
Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Outubro Rosa conta com ações de conscientização na Rodoviária do Plano Piloto em Brasília. O objetivo é alertar as mulheres da importância do diagnóstico precoce
Outubro Rosa conta com ações de conscientização em todo o país
Expectativa é que o remédio, considerado mais seguro e de ação rápida, esteja disponível já em 2018
Insulina análoga será ofertada no tratamento de crianças com diabetes
Os recursos são destinados para custeio e melhoria do atendimento do Samu em municípios de todas as regiões
Samu recebe reforço federal de R$ 33 milhões

Últimas imagens

Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Estabelecimentos que adaptarem os serviços podem receber adicional de até R$ 2,4 milhões por ano
Foto: Karina Zambrana/Ministério da Saúde
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
Arquivo/Ministério da Saúde
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Andre Borges/Agência Brasília

Governo digital