Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 05 > Exercícios físicos durante a gravidez ajudam no desenvolvimento do bebê

Saúde

Exercícios físicos durante a gravidez ajudam no desenvolvimento do bebê

por Portal Brasil publicado: 09/05/2012 11h07 última modificação: 29/07/2014 09h05

Durante a gestação, os exercícios ajudam a fortalecer a musculatura do corpo da mulher, mas nem todos os tipos são recomendados nesse período. Por exemplo, as atividades físicas que exigem muito esforço físico ou que têm risco de acidentes, como ciclismo e corrida, devem ser evitadas. 

Cada semana representa um progresso importante para a formação do feto.

Segundo a coordenadora da Saúde da Mulher do Ministério da Saúde, Esther Vilela, uma mulher que nunca fez nenhum exercício físico, após ficar grávida, deve fazer exercícios leves. “Não é o momento de exageros. Neste período é recomendada uma atividade leve como a caminhada ou hidroginástica. A prática moderada de exercícios físicos ajuda no desenvolvimento do bebê e mantém a forma física da gestante”, explica.

Como em todos os aspectos da gravidez, o lado físico também é importante, mas Esther lembra que depois do nascimento da criança, bem mais importante do que entrar logo em forma, é criar o vínculo afetivo com o bebê. “O mais importante é a mulher ficar tranquila, cuidar da sua família e do bebê”, destaca a coordenadora. Além disso, é importante lembrar que a gestante não deve praticar atividades físicas sem acompanhamento médico e também de um profissional de educação física.

A ginástica também pode aliviar alguns problemas físicos, como as dores na região lombar e em outras partes da coluna, muito comuns durante a gravidez. O fortalecimento da musculatura também ajuda a amenizar as dores.

 

Fonte:
Ministério da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Governo assume metas para conter crescimento da obesidade no País
Entre as medidas estão a redução do consumo de sucos artificiais e refrigerantes em, pelo menos, 30% e incentivar o consumo frutas e hortaliças regularmente
Cooperação incentivará vacinação nas escolas
Parceria entre os Ministérios da Saúde e da Educação visa incentivar vacinação nas escolas. Material informativo sobre HPV e Meningite C será distribuído nas unidades escolares
Ligações para Centro de Valorização da Vida serão gratuitas em todo o País
Acordo entre Ministério da Saúde e o centro permitirá que a organização faça atendimentos gratuitos por meio de um número único para todo o País
Entre as medidas estão a redução do consumo de sucos artificiais e refrigerantes em, pelo menos, 30% e incentivar o consumo frutas e hortaliças regularmente
Governo assume metas para conter crescimento da obesidade no País
Parceria entre os Ministérios da Saúde e da Educação visa incentivar vacinação nas escolas. Material informativo sobre HPV e Meningite C será distribuído nas unidades escolares
Cooperação incentivará vacinação nas escolas
Acordo entre Ministério da Saúde e o centro permitirá que a organização faça atendimentos gratuitos por meio de um número único para todo o País
Ligações para Centro de Valorização da Vida serão gratuitas em todo o País

Últimas imagens

Substâncias anabolizantes, abortivas ou que causam má-formação fetal também são enquadradas na lista
Substâncias anabolizantes, abortivas ou que causam má-formação fetal também são enquadradas na lista
Divulgação/EBC
Brasil atingiu Metas dos Objetivos do Milênio de combate à tuberculose com três anos de antecedência
Brasil atingiu Metas dos Objetivos do Milênio de combate à tuberculose com três anos de antecedência
Divulgação/Ministério da Saúde
Substância misoprostol faz parte da lista de substâncias sujeitas a controle especial da Anvisa
Substância misoprostol faz parte da lista de substâncias sujeitas a controle especial da Anvisa
Divulgação/Ministério da Saúde
Devido ao surto de febre amarela em alguns estados brasileiros, registro de vacinação contra a febre amarela passou a ser exigido dos viajantes
Devido ao surto de febre amarela em alguns estados brasileiros, registro de vacinação contra a febre amarela passou a ser exigido dos viajantes
Arquivo/Anvisa
Os alimentos da marca são comercializados pela internet por fabricante desconhecido
Os alimentos da marca são comercializados pela internet por fabricante desconhecido
Divulgação/Governo do Paraná

Governo digital