Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 06 > Bancos de Células terão roteiro padronizado, segundo Anvisa

Saúde

Bancos de Células terão roteiro padronizado, segundo Anvisa

por Portal Brasil publicado: 26/06/2012 21h04 última modificação: 29/07/2014 09h04

O novo sistema vai permitir que a avaliação do risco sanitário 

O modelo padronizado de roteiro para uso dos fiscais da Vigilância Sanitária que  inspecionam os bancos de tecidos germinativos, de medula e de cordão umbilical está sendo discutido entre a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)  os órgãos de estados e municípios em tempo recorde,  graças a ajuda da tecnologia.  Antes essas reuniões eram presenciais e, neste mês, a agência adotou o recurso da videoconferência.                 

O roteiro de inspeção precisa ter um padrão único no País para permitir que a avaliação do risco sanitário possa ser comparada, qualquer que seja a localização destes serviços.  A medida aprimora a qualidade da fiscalização dos bancos de Células e Tecidos Germinativos (BCTG), que armazenam óvulos, tecidos e embriões, e dos bancos de Células Progenitoras Hematopoéticas (CPH), que guardam medula e cordão umbilical.

A inspeção dos BCTGs e dos CPHs são feitas com base nas resoluções da Anvisa para estes serviços e em outras legislações sanitárias. Com a formatação do roteiro, resultado de uma troca de informações entre a Anvisa e as vigilâncias dos estados e dos municípios, os fiscais examinam os ambientes e preenchem um formulário padrão com a situação encontrada. A harmonização permitirá que todos os bancos sejam inspecionados com os mesmos critérios de avaliação.

Com a ajuda da videoconferência, a Anvisa manteve entendimento com 81 fiscais das Vigilâncias das regiões Sul e Sudeste nos dias 1º, 15 e 25 de junho. Para que se possa ter uma ideia da eficácia desta tecnologia, as reuniões presenciais realizadas anteriormente, de caráter nacional, reuniam de 40 a 45 representantes das Vigilâncias. Na segunda semana de julho, as reuniões interativas alcançarão as regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste.

Durante a videoconferência, os técnicos da Gerência-Geral de Sangue, Outro Tecidos, Células e Órgãos anunciaram que a Anvisa promoverá, em agosto, a capacitação dos fiscais para inspeção em Centros de Tecnologia Celular (CTCs), núcleos onde são manipuladas as células utilizadas em terapia celular. O encontro acontecerá na Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Curitiba, no Paraná, em data a ser definida.

 

Leia mais:

Brasil armazena cerca de 45 mil unidades de sangue de cordão umbilical, segundo Anvisa 

Pacientes terão mais segurança em tratamentos para reprodução assistida 

Aprovada norma que dá segurança a pacientes submetidos à reprodução assistida

 

Fonte:
Anvisa 

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Base integra informações dos sistemas de medicamentos dos estados e municípios
Consumo de medicamentos de cada estado e município, proximidade da data de vencimento e outras perguntas serão respondidas com a criação de uma base que integra as informações dos sistemas de estados e municípios ao sistema nacional
Medicamentos biológicos são produtos inovadores para o tratamento de doenças crônicas, como câncer, diabetes, artrite reumatoide e esclerose múltipla
Fábrica de medicamentos biológicos é inaugurada no DF
Recursos serão distribuídos entre 48 hospitais das cinco regiões
Governo libera R$ 220 milhões para hospitais universitários de todo o País
Consumo de medicamentos de cada estado e município, proximidade da data de vencimento e outras perguntas serão respondidas com a criação de uma base que integra as informações dos sistemas de estados e municípios ao sistema nacional
Base integra informações dos sistemas de medicamentos dos estados e municípios

Últimas imagens

Soro
Divulgação/Prefeitura de Campo Verde (MT)
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
País vai tratar 657 mil pessoas a partir de 2018. Pacientes com quadros mais grave da doença terão prioridade
Foto: Rodrigo Nunes/Ministério da Saúde

Governo digital