Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 06 > Brasil desenvolve e passa a produzir vacina contra esquistossomose

Saúde

Brasil desenvolve e passa a produzir vacina contra esquistossomose

por Portal Brasil publicado: 12/06/2012 17h19 última modificação: 29/07/2014 09h04

Fundação Oswaldo Cruz promete imunização mundial em até cinco anos

 

O Brasil criou e vai produzir a vacina contra esquistossomose, doença crônica causada pelo parasita Schistosoma, anunciou nesta terça-feira (12) a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Estima-se que a doença afete 200 milhões de pessoas em áreas pobres no Brasil, e até 800 milhões de pessoas possa estar expostas ao contágio somando os países africanos e da América Central.

A esquistossomose é considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como a segunda doença parasitária mais devastadora, atrás apenas da malária. Para a chefe do Laboratório Esquistossomose Experimental da Fiocruz, Miriam Tendler, em até cinco anos, é possível imunizar toda população dos locais onde ocorre a endemia.

O anúncio feito nesta segunda-feira (11)é relativo à fase de testes de segurança e eficácia da vacina, exigidos antes da liberação para produção em grande escala. Vinte voluntários participaram dos testes no Brasil e confirmaram os testes antes feitos em outros mamíferos. A partir da comprovação da segurança, serão feitos teste em larga escala no Brasil e na África.

As pesquisas para produção da vacina contra esquistossomose começaram em 1975, na Fundação Osvaldo Cruz. Depois de identificado o princípio ativo com efeito farmacológico contra o parasita, cientistas brasileiros identificaram proteína presente em outros parasitas, o que possibilita a produção de vacina polivalente, que poderá servir até para gado de corte. A primeira patente foi depositada na década de 1990, e, nos anos 2000, criou-se um modelo de negócio para industrialização da vacina.

 

Leia mais:

Eliminação da Esquistossomose é o novo desafio da OMS

Saúde reforça combate a doenças negligenciadas, como hanseníase e esquistossomose

Brasil Sem Miséria vai combater doenças que atacam pessoas em extrema pobreza

 

Fonte:
Agência Brasil

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Crianças dão um show de conhecimento sobre a luta contra o Aedes aegypti
Aedes aegypti é transmissor de doenças graves, como a dengue, a zika e a chikungunya
Hospital da Bahia oferece tratamento completo contra o câncer
Hospital das Obras da Irmã Dulce, em Salvador, implantou radioterapia
SUS oferece tratamento para parar de fumar
Parar de fumar é uma decisão fundamental para a saúde, mas abandonar a dependência pode ser bem difícil
Aedes aegypti é transmissor de doenças graves, como a dengue, a zika e a chikungunya
Crianças dão um show de conhecimento sobre a luta contra o Aedes aegypti
Hospital das Obras da Irmã Dulce, em Salvador, implantou radioterapia
Hospital da Bahia oferece tratamento completo contra o câncer
Parar de fumar é uma decisão fundamental para a saúde, mas abandonar a dependência pode ser bem difícil
SUS oferece tratamento para parar de fumar

Últimas imagens

Acesso às reuniões poderá ser feito por computadores, celulares e tablets com câmera e microfone
Acesso às reuniões poderá ser feito por computadores, celulares e tablets com câmera e microfone
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
Todos os dias, há 12 novas consultas de crianças e adolescentes com suspeita de doenças cardíacas no INC
Todos os dias, há 12 novas consultas de crianças e adolescentes com suspeita de doenças cardíacas no INC
Divulgação/INC
Em cada estado, foram selecionadas três maternidades para receber a estratégia neste primeiro momento
Em cada estado, foram selecionadas três maternidades para receber a estratégia neste primeiro momento
Divulgação/Governo de Goiás
Organização alertou ainda que o comércio ilegal de tabaco está agravando o tabagismo
Organização alertou ainda que o comércio ilegal de tabaco está agravando o tabagismo
Arquivo/USP Imagens
Os preservativos são distribuídas pelo SUS gratuitamente em todo o País
Os preservativos são distribuídas pelo SUS gratuitamente em todo o País
Divulgação/Ministério da Saúde

Governo digital