Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 06 > Ceará vai receber R$ 229,3 milhões para ações da Rede Cegonha

Saúde

Ceará vai receber R$ 229,3 milhões para ações da Rede Cegonha

por Portal Brasil publicado: 26/06/2012 19h57 última modificação: 29/07/2014 09h04
Romero Brito Rede Cegonha visa garantir atendimento de qualidade a todas as brasileiras pelo SUS

Rede Cegonha visa garantir atendimento de qualidade a todas as brasileiras pelo SUS

Recurso será utilizado para custeio de Centros de Parto Normal, Casas da Gestante, Bebê e Puérpera

O Ministério da Saúde destinou R$ 229,3 milhões para as primeiras ações da estratégia Rede Cegonha no estado do Ceará. Lançada no ano passado, a estratégia fortalece um modelo de atenção que abrange desde o reforço do planejamento familiar à confirmação da gravidez, incluindo o pré-natal, parto, pós-parto, até os dois primeiros anos de vida da criança. O valor beneficiará a população de 23 municípios cearenses.

Do total destinado ao estado, R$ 50,6 milhões serão repassados de imediato para as estruturas e serviços já habilitados. O restante do valor será pago conforme andamento da Rede local. “Este montante vai permitir que o estado qualifique e amplie a rede de assistência à mulher e ao bebê", destaca a coordenadora da área técnica da Saúde da Mulher, do Ministério da Saúde, Esther Vilela.

 

Os recursos serão utilizados para o custeio de 27 Centros de Parto Normal; 22 Casas da Gestante, Bebê e Puérpera; criação de 263 leitos de Gestação de Alto Risco; 70 leitos de UTI Adulto tipo II; 176 leitos de UTI Neonatal tipo II; 321 leitos de UCI Neonatal e 135 leitos de UCI Canguru. Também serão qualificados 203 leitos de Gestação de Alto Risco; 96 leitos de UTI adulto tipo II; 117 leitos de UTI Neonatal tipo II e 156 leitos de UCI Neonatal. 

A portarianº 1.286, publicada no Diário Oficial da União, aprova a primeira etapa do plano de ação da Rede Cegonha no estado do Ceará.  “O plano define os primeiros passos para a implantação da Rede Cegonha no estado e tem a participação ativa do Governo Federal, estados e municípios”, explica a coordenadora. A portaria autoriza a transferência de recursos do Fundo Nacional de Saúde para os fundos de saúde do estado e dos municípios.

As ações previstas na estratégia Rede Cegonha visam qualificar, até 2014, toda a rede de assistência, ampliando e melhorando as condições para que as gestantes possam dar à luz e cuidar de seus bebês de forma segura e humanizada. “Temos que construir um ambiente acolhedor para que a mulher se sinta mais segura nesse momento e, para isso, é necessário a qualificação do espaço físico e a mudança das práticas”, enfatiza Esther Vilela.

 

Leia mais:

Rede Cegonha reduz mortalidade materna em 21% no 1º ano do programa, diz Saúde

Atitudes positivas na gestação garantem gravidez saudável 

Rede Cegonha garante atendimento de qualidade para mulheres grávidas e seus filhos 

 

Fonte:
Ministério da Saúde

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Governo lança campanha de combate a Aids no Carnaval
Governo lança campanha de combate a Aids no Carnaval foi lançada em Salvador/BA. Neste ano serão distribuídos 100 milhões de preservativos
Embrapa faz parceria com outros países no combate à Aids
Trabalho conjunto usa soja geneticamente modificada para produzir uma proteína que dificulta o desenvolvimento do vírus
Ministério da Saúde destina novos equipamentos de radioterapia para tratamento do câncer
Pesquisa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) aponta mais de 600 mil novos casos da doença em 2018. Para auxiliar no tratamento, governo anunciou nesta sexta-feira (2) a entrega de novos equipamentos de radioterapia para hospitais do Sistema Único de Saúde (SUS)
Governo lança campanha de combate a Aids no Carnaval foi lançada em Salvador/BA. Neste ano serão distribuídos 100 milhões de preservativos
Governo lança campanha de combate a Aids no Carnaval
Trabalho conjunto usa soja geneticamente modificada para produzir uma proteína que dificulta o desenvolvimento do vírus
Embrapa faz parceria com outros países no combate à Aids
Pesquisa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) aponta mais de 600 mil novos casos da doença em 2018. Para auxiliar no tratamento, governo anunciou nesta sexta-feira (2) a entrega de novos equipamentos de radioterapia para hospitais do Sistema Único de Saúde (SUS)
Ministério da Saúde destina novos equipamentos de radioterapia para tratamento do câncer

Governo digital