Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 06 > Saúde anuncia investimento de mais R$ 348 milhões em São Paulo

Saúde

Saúde anuncia investimento de mais R$ 348 milhões em São Paulo

por Portal Brasil publicado: 18/06/2012 12h54 última modificação: 29/07/2014 09h04

Recursos irão para novas UPAs e unidades básicas em todo o estado e expansão de serviços de urgência em Campinas e na Baixada Santista

 

O Ministério da Saúde anunciou investimentos de R$ 348,8 milhões para expansão e qualificação dos serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) em São Paulo. Os recursos vão para construção de novas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24 horas) em todo o estado e para a ampliação da rede de urgência e emergência da região de Campinas e da Baixada Santista, além de aportes no Instituto do Coração (Incor) e no Hospital das Clínicas de São Bernardo do Campo (SP).

O estado e os municípios paulistas receberão R$ 57 milhões para ampliação das UPAs, que já garantem atendimento diário a 7,5 mil pessoas, e para a construção de 24 novas unidades, possibilitando a ampliação do número de beneficiários em 136%. Já as UBS receberão investimentos de R$ 34 milhões, que serão usados na construção de 383 estabelecimentos, provocando alta de 26,3% no número de atendimentos no estado – de 83,4 milhões para 105,4 milhões por ano.

Para expansão da rede de atenção às urgências, serão investidos R$ 229,4 milhões na Baixada Santista e na região de Campinas. Os recursos serão usados para habilitação de novos leitos clínicos e de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), criação de salas de estabilização, assistência para atenção domiciliar e para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192).

O Hospital das Clínicas de São Bernardo, que deve ser inaugurado no segundo semestre deste ano, também terá mais recursos para ampliar sua capacidade de atendimento. Além dos R$ 102,6 milhões já repassados para a construção do hospital, serão destinados mais R$ 19,9 milhões para a aquisição de equipamentos e material de uso permanente para a unidade.

A unidade oferecerá atendimentos na área de cardiologia, nefrologia, neurologia, entre outras especialidades e terá capacidade para realizar 10 mil consultas e 1.500 cirurgias por mês. Outro anúncio é o investimento na compra de equipamentos e modernização tecnológica do Instituto do Coração (Incor), com investimento de aproximadamente R$ 9 milhões.

 “Os investimentos que repassamos hoje são destinados, em parte, para a construção de novas unidades de saúde e de Unidades de Pronto Atendimento 24 horas, que depois de prontas, terão mais recursos para o custeio da manutenção dos serviços”, afirmou o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Dois meses após o início do funcionamento das UPAs, o Ministério da Saúde faz uma avaliação da qualidade do atendimento. Se o padrão estiver bom, o recurso poderá ser dobrado. 

Leia mais:

Médicos do SUS terão apoio do InCor no diagnóstico de doenças cardiovasculares

Municípios poderão participar de programa para fortalecer assistência farmacêutica

Saúde libera recursos para novas Unidades Básicas e Academias da Saúde

Saúde libera R$ 26,8 milhões para Samu e UPAs em seis estados

 

Fonte:

Ministério da Saúde

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Número de brasileiros no Programa Mais Médicos aumentou
Em um ano, aumentou 44% a participação de médicos brasileiros no Programa Mais Médicos. Expectativa do governo é substituir 4 mil profissionais em três anos
Governo amplia recursos para UPAs 24h
Ministério da Saúde amplia em R$ 93 milhões os recursos para UPAS 24 horas. O investimento será usado para pagar e qualificar os serviços ofertados à população
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil
Em um ano, aumentou 44% a participação de médicos brasileiros no Programa Mais Médicos. Expectativa do governo é substituir 4 mil profissionais em três anos
Número de brasileiros no Programa Mais Médicos aumentou
Ministério da Saúde amplia em R$ 93 milhões os recursos para UPAS 24 horas. O investimento será usado para pagar e qualificar os serviços ofertados à população
Governo amplia recursos para UPAs 24h

Últimas imagens

A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
Arquivo/Ministério da Saúde
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Cícero Oliveira/UFRN

Governo digital