Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 06 > Sete estados brasileiros alcançam meta de imunização contra a gripe

Saúde

Sete estados brasileiros alcançam meta de imunização contra a gripe

por Portal Brasil publicado: 01/06/2012 18h32 última modificação: 29/07/2014 09h04

O Ministério da Saúde informou que, até a manhã desta sexta-feira (1º), sete estados alcançaram a meta de vacinar 80% do público-alvo da campanha contra a gripe – Santa Catarina (87,89%), Acre (82,51%), Alagoas (81,69%), Amapá (84,21%), Paraná (80,56%), Goiás (82,85%) e Distrito Federal (84,21%). A campanha será encerrada nesta tarde em todo o País.

O último balanço da pasta indica que 21,8 milhões de pessoas foram vacinadas. O número representa 72,41% do público-alvo, que inclui idosos a partir de 60 anos; crianças de seis meses a dois anos incompletos; grávidas em qualquer período da gestação; índios e profissionais de saúde. A meta do governo é imunizar 24,1 milhões de pessoas, o equivalente a 80% do público-alvo.

A população acima dos 60 anos tem índice de cobertura de 70,96%, seguida pelos índios (63,41%) e pelas gestantes (64,29%). Até a quinta-feira (31), o grupo dos trabalhadores da área da saúde tinha o maior índice de cobertura (78,64%), seguido pelas crianças (75,19%). Esses dois últimos grupos não tiveram os dados atualizados nesta manhã.

De acordo com o ministério, a imunização contra a gripe pode reduzir de 32% a 45% o número de internações hospitalares por pneumonia e de 39% a 75% a mortalidade global. Entre os idosos que moram em abrigos, a vacina reduz os riscos de pneumonia em cerca de 60%, de hospitalização pela metade e de morte em quase 70%.

 

Fonte:
Agência Brasil

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Parcerias podem oferecer remédios mais baratos a toda população
A parceria entre instituições públicas e privadas para a produção de medicamentos garante que o SUS tenha uma atuação mais ampla na prevenção e no combate a doenças, como febre amarela, HIV e leucemia
Informatização de todas as unidades básicas é uma das principais metas do Ministério da Saúde
Atualmente, dos quase 43 mil postos espalhados pelo País, cerca de 16 mil já estão conectados à plataforma DigiSUS
Campanha vai imunizar 47 milhões de crianças e adolescentes
Público-alvo da nova campanha de vacinação, que segue até 22 de setembro, compreende 47 milhões de crianças e adolescentes de até 15 anos
A parceria entre instituições públicas e privadas para a produção de medicamentos garante que o SUS tenha uma atuação mais ampla na prevenção e no combate a doenças, como febre amarela, HIV e leucemia
Parcerias podem oferecer remédios mais baratos a toda população
Atualmente, dos quase 43 mil postos espalhados pelo País, cerca de 16 mil já estão conectados à plataforma DigiSUS
Informatização de todas as unidades básicas é uma das principais metas do Ministério da Saúde
Público-alvo da nova campanha de vacinação, que segue até 22 de setembro, compreende 47 milhões de crianças e adolescentes de até 15 anos
Campanha vai imunizar 47 milhões de crianças e adolescentes

Últimas imagens

Nos locais onde há Centros de Apoio Psicossocial (CAPS), iniciativa do SUS, risco de suicídio reduz em até 14%
Nos locais onde há Centros de Apoio Psicossocial (CAPS), iniciativa do SUS, risco de suicídio reduz em até 14%
Arquivo/Agência Brasil
Recursos permitem custeio de procedimentos de atenção básica e de Média e Alta Complexidade
Recursos permitem custeio de procedimentos de atenção básica e de Média e Alta Complexidade
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília
Levetiracetam também será incorporado para tratar de pacientes com epilepsia mioclônica juvenil
Levetiracetam também será incorporado para tratar de pacientes com epilepsia mioclônica juvenil
Arquivo/Ministério da Saúde

Governo digital