Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 08 > Conab atenderá mais de 80 mil famílias de comunidades de terreiros

Saúde

Conab atenderá mais de 80 mil famílias de comunidades de terreiros

por Portal Brasil publicado: 30/08/2012 18h50 última modificação: 29/07/2014 09h04
Divulgação/Portal Brasil Militares distribuem alimentos para famílias no Haiti

Militares distribuem alimentos para famílias no Haiti

Documento prevê investimentos de R$ 440 mil para doações de cestas de alimentos

Nesta semana, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) firmou parceria com a  Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) que garantirá a liberação de R$ 440 mil para doação de cestas de alimentos a comunidades de terreiros. A ação vai ocorrer em seis etapas. Em cada uma delas serão atendidas 13,9 mil famílias e doadas 300 toneladas de alimentos. Ao final da operação, terão sido atendidas 83,4 mil famílias e entregues 1,8 mil toneladas de produtos. 

As cestas serão entregues de acordo com um cronograma a ser definido pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). 

 Em parceria com outras instituições do governo, a Conab realiza doações periódicas a diversas comunidades que se encontram em situação de insegurança alimentar e nutricional, como por exemplo famílias de trabalhadores rurais, quilombolas, comunidades de terreiros, atingidos por barragens, dentre outros. 

 

Leia mais:

Mais 200 mil toneladas de milho são liberadas para venda em balcão em RS e SC

Ministério analisa novas medidas para garantir abastecimento no Sul

Safra de grãos no País bate recorde e atinge 165,9 milhões de toneladas

 

Fonte:

Conab

 

 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Campanha destaca a importância do tratamento da tuberculose
Ministério da Saúde lança Campanha Todos Juntos contra a Tuberculose. O objetivo é conscientizar a população da importância de fazer o tratamento até o fim da doença
Ministério da Saúde economiza R$ 3 bilhões em 300 dias de gestão
Parte dos recursos foram utilizados na compra de cinco milhões de doses extras de vacinas, tratamentos e renovação da frota de ambulâncias, além de construções de novas UPAs
Governo assume metas para conter crescimento da obesidade no País
Entre as medidas estão a redução do consumo de sucos artificiais e refrigerantes em, pelo menos, 30% e incentivar o consumo frutas e hortaliças regularmente
Ministério da Saúde lança Campanha Todos Juntos contra a Tuberculose. O objetivo é conscientizar a população da importância de fazer o tratamento até o fim da doença
Campanha destaca a importância do tratamento da tuberculose
Parte dos recursos foram utilizados na compra de cinco milhões de doses extras de vacinas, tratamentos e renovação da frota de ambulâncias, além de construções de novas UPAs
Ministério da Saúde economiza R$ 3 bilhões em 300 dias de gestão
Entre as medidas estão a redução do consumo de sucos artificiais e refrigerantes em, pelo menos, 30% e incentivar o consumo frutas e hortaliças regularmente
Governo assume metas para conter crescimento da obesidade no País

Últimas imagens

O anúncio dos recursos foi feito pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros, nesta quarta-feira (30)
O anúncio dos recursos foi feito pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros, nesta quarta-feira (30)
Divulgação/Ministério da Saúde
 Em 2016, mais de 2 milhões de atendimentos das PICs foram realizados em Unidades Básicas de Saúde
Em 2016, mais de 2 milhões de atendimentos das PICs foram realizados em Unidades Básicas de Saúde
Divulgação/Governo do Rio Grande do Sul
A interdição é resultado da comunicação com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
A interdição é resultado da comunicação com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
Foto: Gilson Abreu/Fiep
Anvisa determinou que a empresa Newage Indústria de Bebidas Ltda recolha o estoque
Anvisa determinou que a empresa Newage Indústria de Bebidas Ltda recolha o estoque
Carla Cleto/Governo de Alagoas
Substâncias anabolizantes, abortivas ou que causam má-formação fetal também são enquadradas na lista
Substâncias anabolizantes, abortivas ou que causam má-formação fetal também são enquadradas na lista
Divulgação/EBC

Governo digital