Você está aqui: Página Inicial > Saúde > 2012 > 08 > Venda de lote do medicamento Dualid S 75mg é proibida

Saúde

Venda de lote do medicamento Dualid S 75mg é proibida

por Portal Brasil publicado: 23/08/2012 16h05 última modificação: 29/07/2014 09h04
Anvisa Durante a Operação na Ponte da Amizade identificaram e apreenderam unidades do medicamento Dualid S, de lote L: 0805720, validade 09/2014, sendo transportado clandestinamente para Ciudad Del Este

Durante a Operação na Ponte da Amizade identificaram e apreenderam unidades do medicamento Dualid S, de lote L: 0805720, validade 09/2014, sendo transportado clandestinamente para Ciudad Del Este

Foi publicado na última segunda-feira (20), pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no Diário Oficial da União (DOU), a apreensão e inutilização, em todo o País, do lote 0805720, validade 09/2014, do medicamento Dualid S (cloridrato de anfepramona, 75mg).

A decisão foi embasada na Resolução RDC 52/2011, que veda a fabricação, importação, exportação, distribuição, manipulação, prescrição, dispensação, o aviamento, comércio e uso de medicamentos ou fórmulas medicamentosas que contenham as substâncias anfepramona, femproporex e mazindol, seus sais e isômeros, bem como intermediários.

Durante a Operação Ágata V, uma equipe operacional formada por servidores da Anvisa e do Exército atuando na Ponte da Amizade, entre as cidades de Foz do Iguaçu (PR) e Ciudad Del Este (Paraguai), identificaram e apreenderam unidades do medicamento Dualid S, cloridrato de anfepramona, 75mg, com número de lote L: 0805720, validade 09/2014, sendo transportado clandestinamente para aquele País.

O medicamento Dualid S teve o registro cancelado pela Resolução - RE nº. 5492/11 e segundo levantamento a produção era exclusivamente realizada em território brasileiro. O dado mostra que não há nenhum tipo de exportação legalizada do medicamento e de acordo com a empresa Aché Laboratórios Farmacêuticos S/A, que fora a detentora do registro em território nacional, o lote em questão não foi fabricado por ela.

Dualid S (Cloridrato de anfepramona)

O medicamento, que é de uso adulto, é uma amina simpatomimética com algumas atividades farmacológicas semelhantes à anfetamina. A medicação é adjuvante das dietas hipocalóricas, durante o tratamento de obesidade.

As pessoas que já tiverem adquirido o lote ou produto apreendido devem interromper o uso.

Confira íntegra da resolução

Fonte:

Anvisa

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons CC BY ND 3.0 Brasil CC BY ND 3.0 Brasil

Missão Transplante

Últimos vídeos

Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Número de brasileiros no Programa Mais Médicos aumentou
Em um ano, aumentou 44% a participação de médicos brasileiros no Programa Mais Médicos. Expectativa do governo é substituir 4 mil profissionais em três anos
Governo amplia recursos para UPAs 24h
Ministério da Saúde amplia em R$ 93 milhões os recursos para UPAS 24 horas. O investimento será usado para pagar e qualificar os serviços ofertados à população
Campanha do Outubro Rosa conscientiza sobre o câncer de mama. Pacientes do Rio de Janeiro contam como encontraram apoio no SUS
Quase 58 mil casos de câncer de mama foram diagnosticados no Brasil
Em um ano, aumentou 44% a participação de médicos brasileiros no Programa Mais Médicos. Expectativa do governo é substituir 4 mil profissionais em três anos
Número de brasileiros no Programa Mais Médicos aumentou
Ministério da Saúde amplia em R$ 93 milhões os recursos para UPAS 24 horas. O investimento será usado para pagar e qualificar os serviços ofertados à população
Governo amplia recursos para UPAs 24h

Últimas imagens

A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
A cada ano, as vacinas influenza sazonais são modificadas para proteção contra estirpes virais em circulação
Arquivo/Ministério da Saúde
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Com a globalização, vírus do sarampo e rubéola, endêmicos na Europa, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Andre Borges/Agência Brasília
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Vírus do sarampo e rubéola são endêmicos em países europeus e, com a globalização, podem voltar a circular no Brasil
Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Programa conta com 18.240 vagas em mais de 4 mil municípios e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas
Cícero Oliveira/UFRN

Governo digital